quarta-feira, 20 de Fevereiro de 2013 11:19h Faculdade de Medicina da UFMG

UFMG e Ministério da Saúde lançam projeto nacional para aprimorar atendimento oferecido a mulheres vítimas de violência

Seminário dirigido à capacitação de profissionais antecipa reflexões sobre o dia internacional da mulher lembrando que ‘respeito é bom’

Nos dias 21 e 22 de fevereiro de 2013 a Faculdade de Medicina da UFMG realiza o primeiro de uma série de cinco seminários que irão lançar - nas diferentes regiões do Brasil - o Projeto de Atenção Integral à Saúde da Mulher em Situação de Violência.

O objetivo do projeto é refinar o trabalho que já vem sendo prestado às mulheres em situação de violência no que se refere à qualidade e humanização. Com isso, pretende-se ampliar o alcance das políticas de saúde e atender às necessidades de expansão e sensibilização do Sistema Único de Saúde, em todo o país.

Segundo a professora Elza Machado Melo, do Departamento de Medicina Preventiva e Social da Faculdade de Medicina da UFMG, coordenadora do projeto nacional, o seminário “Para elas: por elas, por eles, por nós” dá o primeiro passo do Projetono sentido de envolver os servidores públicos.

“Quando a mulher chegar ao hospital é preciso evitar por todas as formas que ela sofra outra violência, pelo simples fato de ter sua condição ignorada”, esclarece a professora. A melhor compreensão da realidade e da fragilidade das vítimas no momento do atendimento, acreditam os responsáveis pela iniciativa, deverá ser capaz de aprimorar o acolhimento oferecido, com o devido respeito e maior efetividade. Além da capacitação,a nova metodologia também passa pela reorganização dos serviços.

A Abertura do Seminário terá entrada livre para o público em geral. Podem se inscrever no evento, profissionais de saúde, representantes da sociedade civil, professores e universitários da UFMG. O evento acontece na Pampulha (e não no Santa Efigênia), no auditório da Escola de Engenharia da UFMG, por que o salão nobre da Faculdade de Medicina está em reformas.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.