quarta-feira, 2 de Março de 2011 00:00h

Vacinação contra brucelose bovina tem o maior índice em Minas Gerais desde 2008

No ano de 2010, o Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA) vacinou 1.913.546 bezerras contra brucelose. Com esse número, Minas obteve um índice de 85% de vacinação, o melhor resultado dos últimos três anos. Em 2008 e 2009, os índices foram de 77% e 80%, respectivamente. O recorde foi em 2006, quando o índice de vacinação chegou a 86%.

As coordenadorias regionais do IMA de Almenara, Curvelo, Uberlândia e Unaí atingiram 90% de vacinação contra a doença. Essas coordenadorias abrangem 102 municípios das regiões Central, Vale do Jequitinhonha, Triângulo e Noroeste de Minas.

Os programas sanitários estipulam meta mínima a ser alcançada de 80% de vacinação. Em Minas, a meta do IMA é imunizar, no mínimo, 90% de bezerras por município.

A vacinação contra a brucelose é obrigatória, sendo uma das principais medidas estabelecidas pelo Programa Nacional de Controle e Erradicação da Brucelose e da Tuberculose (PNCEBT) do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa).

O PNCEBT é de adesão voluntária e tem como objetivo baixar a prevalência e incidência de novos casos de brucelose e tuberculose bovina, bem como certificar propriedades como livres dessas doenças.

O diretor-geral do IMA, Altino Rodrigues Neto, afirma que a vacinação é a principal medida de combate a brucelose e faz um alerta quanto à importância da certificação de propriedades no programa PNCEBT. “A adesão do produtor à certificação de propriedades livres ou monitoradas proporciona redução dos prejuízos ocasionados pela brucelose e tuberculose, maior credibilidade sanitária, além de agregar valor aos produtos lácteos e derivados de carnes”, comenta.

O IMA, órgão vinculado a Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa), é responsável pela execução das ações de defesa sanitária animal em Minas e adota, desde 2001, os procedimentos previstos no PNCEBT, como a coordenação e controle da vacinação contra brucelose em bezerras de 3 a 8 meses de idade.

A doença

A brucelose é uma doença grave e altamente contagiosa provocada por bactérias do gênero Brucella, que acomete bovinos, suínos, equinos, caprinos e ovinos.

Pode ser transmitida ao homem através do contato direto com animais infectados ou pelo consumo da carne, leite e derivados que não passaram pelo processo de pasteurização ou cozimento.
 

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.