quinta-feira, 17 de Março de 2016 11:57h Ministério do Desenvolvimento Social

Brasil Saudável e Sustentável lança aplicativo que localiza feiras orgânicas

Mapa de Feiras Orgânicas no Brasil tem mais de 500 pontos de comercialização e integra campanha que promove alimentação saudável

Sabe onde encontrar frutas, verduras e legumes orgânicos na sua cidade? Onde estão as feiras mais próximas de você que vendem esses produtos? Lançado na terça-feira (15), Dia Mundial do Consumidor, o aplicativo Mapa de Feiras Orgânicas no Brasil traz essas informações. A iniciativa integra a campanha Brasil Saudável e Sustentável, do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), que envolve parcerias entre governo e sociedade.

O aplicativo gratuito foi desenvolvido em conjunto com o Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec), a partir do site Mapa de Feiras Orgânicas. A loja virtual destaca que ele “ajuda o consumidor a encontrar alimentos orgânicos e agroecológicos. O objetivo é propiciar melhores escolhas alimentares, de forma rápida, e encurtar o caminho entre o produtor e o consumidor”.

 

 

 

 

Na prática, a nova ferramenta facilita a vida de quem quer consumir alimentos orgânicos, produzidos localmente, direto do produtor, mas tem dificuldade de saber onde encontrar. Uma vez baixado, o aplicativo identifica a feira mais próxima com a ajuda da geolocalização, traçando rotas para chegar ao local escolhido.

“Nas feiras, estão os pro dutos mais frescos, regionais, diretos do produtor e, o mais importante, naturais. Num país como o Brasil, em que um terço das crianças está com sobrepeso, toda a população precisa refletir sobre seus hábitos alimentares e agir no sentido de buscar o alimento saudável. Saber que é mais indicado ir à feira comprar laranja e fazer um suco natural do que comprar um suco de caixinha, que tem grande quantidade de açúcar e conservantes”, explica o secretário nacional de Segurança Alimentar e Nutricional do MDS, Arnoldo de Campos.

 

 

 

Até o momento, estão cadastrados mais de 500 pontos de comercialização de orgânicos e agroecológicos em todo o país. Deste total, 90% são feiras. A ferramenta, que é colaborativa, é atualizada constantemente e a tendência é de que esta quantidade cresça ainda mais. “É essa possibilidade de escolha do alimento que queremos destacar com a campanha Brasil Saudável e Sustentável. Em cada compra, em cada refeição, temos a chance de optar por uma vida mais sau dável. E o aplicativo facilita o acesso ao alimento de qualidade”, afirma o secretário.

“Ao realizar uma pesquisa, em 2012, nós identificamos que as feiras são os locais com preços mais acessíveis dos produtos orgânicos, por isso a gente entende que divulgar as informações dos locais de feiras é uma forma importante de potencializar o acesso a alimentos orgânicos que são, não só mais saudáveis e sustentáveis, mas também têm um preço mais acessível ao consumidor”, afirma a pesquisadora e nutricionista do Idec, Ana Paula Bortoletto.

 

 

 

O aplicativo ainda disponibiliza receitas saudáveis e sustentáveis com alimentos regionais. Os usuários podem acessar receitas associadas a alimentos de época e regionais, além de obter informações sobre o ingrediente principal da receita. Neste primeiro momento, ele está disponível apenas para celulares com sistema Android. Até o final de março, estará disponível também para equipamentos com sistema iOS.

© 2009-2016. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.