terça-feira, 22 de Setembro de 2015 14:15h Agência Brasil

Em Brasília, Dia Mundial sem Carro é marcado pela valorização de ciclistas

Em comemoração ao Dia Mundial Sem Carro, foi lançada hoje (22), em Brasília, a Cartilha do Ciclista, uma publicação do Ministério das Cidades que reúne informações sobre a legislação, sinalização, as diferentes vias que compõem a rede cicloviária da cidade e regras de circulação e segurança.

Durante a solenidade, o secretário de Transportes e Mobilidade Urbana, Dário Lopes, falou sobre a importância de se tratar a bicicleta como um veículo de transporte, e sobre as precauções de segurança que devem ser tomadas pelos ciclistas. “É importante que este veículo [a bicicleta], seja tratado como veículo de transporte e que o condutor tome todas as precauções devidas para termos um trânsito seguro”, disse.

Segundo o deputado federal Rogério Rosso (PSD), já existem diversos projetos tramitando na Câmara em favor dos ciclistas, sobre a importância para a mobilidade, criação de novas sinalizações e de mudança no Código Brasileiro de Trânsito.

“Todos os dias, nos últimos três anos, ando de bicicleta. Diante dessa experiência, já apresentamos vários projetos, em tramitação na Câmara, que vão desde o aumento de pena para quem atropelar ciclistas em ciclofaixa, até a mudança do Código de Trânsito. Vamos aproveitar essa sintonia para que possamos aprovar, não somente uma nova legislação, mas também conscientizar os cidadãos e governantes da importância da bicicleta”, disse Rosso.

O Ministro das Cidades, Gilberto Kassab, destacou a dedicação das equipes para concluir a cartilha, e disse o quanto é prfeciso valorizar os ciclistas.

“No Dia Mundial Sem Carro, homenagear os ciclistas é o que de mais bonito se pode fazer”, disse Kassab. Ele falou sobre o avanço na elaboração do Manual Cicloviário. “Com a Cartilha Nacional do Ciclista, estamos dando o primeiro passo para garantir segurança, e vamos avançar ainda mais com o Manual Cicloviário, que está em discussão, e deve ficar pronto entre o fim deste ano e o inicio de 2016”, finalizou.

Bonde de Bike

A Organização Não Governamental (ONG) Rodas da Paz promoveu atividades em defesa do meio ambiente e de melhor qualidade de vida no Dia Mundial Sem Carro. Os tradicionais bondes de bike ao trabalho saíram de várias cidades do Distrito Federal.

Para a jornalista Marina Fernandes Severino, 29, é de extrema importância que o Dia Mundial sem Carro mobilize as pessoas quanto aos benefícios de não utilizá-lo. Ela considera importante que as empresas incentivem esse tipo de atitude, e alerta sobre o que falta na cidade para que a bicicleta seja usada por mais cidadãos.

“Faltam mais bicicletários. Às vezes tem, mas estão muito lotados. As ciclovias no Plano Piloto são boas, mas ainda existem meio fios que atrapalham, e faltam rampas. Vou da 408 sul até o Setor Bancário Norte, e tenho o incentivo da empresa, que disponibiliza armários e vestiário”, disse.

Durante todo o dia, a ONG Rodas da Paz e o Movimento Nossa Brasília fazem eventos pela cidade. Das 7h às 19h, na plataforma superior da Rodoviária, ocorre a intervenção urbana Vaga Viva, que mostra os serviços que podem ser oferecidos para a população no espaço que, geralmente, é utilizado para estacionar apenas um carro. E, para finalizar, às 20 será exibido o filme A Grande Volta, com preço promocional para quem for de bicicleta, no Cine Drive in.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.