terça-feira, 13 de Janeiro de 2015 10:48h Atualizado em 13 de Janeiro de 2015 às 11:07h.

FORD EXIBE A NOVA F-150 RAPTOR, PICAPE OFF-ROAD DE ALTO DESEMPENHO

A Ford, líder mundial em picapes, apresentou hoje no Salão de Detroit a nova F-150 Raptor, versão especial da picape com alto desempenho off-road

Totalmente redesenhada com base na nova F-150, "Picape do Ano" nos Estados Unidos, a Raptor chega ao mercado norte-americano no final de 2016 com recursos que a tornam ainda mais resistente, inteligente e eficiente.

"Quando criamos a primeira Raptor, quisemos provar que o desempenho de um veículo não se mede apenas nas ruas ou na estrada - o off-road pode ser muito mais divertido," diz Raj Nair, vice-presidente de Desenvolvimento de Produto Global da Ford. "A Raptor original, junto com os avanços da nova F-150, definiram a base para tornarmos a nova Raptor melhor em todos os sentidos".

Mais forte
A nova Raptor tem um chassi personalizado, o mais forte da linha F-150, com maior aplicação de aço de alta resistência. Produzida com liga de alumínio de nível militar, que reduziu seu peso em quase 230 kg, a Raptor tem design inspirado no legado da Ford em provas off-road.

Suas linhas esculpidas remetem às chamadas "Trophy Trucks", as picapes off-road mais rápidas e poderosas. A Raptor é mais de 15 centímetros mais larga que a F-150 padrão, para aumentar a estabilidade off-road. Ela também utiliza pela primeira vez uma saída dupla de escape e rodas de 17 polegadas, com a nova geração de pneus todo-terreno BFGoodrich All-Terrain KO2, especialmente desenvolvidos para o off-road.

Mais inteligente
A Raptor é impulsionada pelo novo motor 3.5 EcoBoost, de segunda geração, com 417 cavalos de potência e torque de 60 kgfm, mais potente e eficiente que o V8 6.2 anterior. O novo motor é exclusivo da Raptor na linha F-150 e trabalha com uma nova transmissão de 10 velocidades que aumenta a sua eficiência.

A nova caixa de transferência, que distribui a potência entre as rodas dianteiras e traseiras, combina os melhores atributos da tração sob demanda com a 4x4 integral. "A nova caixa garante melhor tração em uma grande variedade de terrenos, tanto em baixa ou alta velocidade, em estrada ou fora de estrada," diz Jamal Hameedi, engenheiro-chefe da Ford Performance.

A tecnologia pioneira de condução off-road da Raptor evoluiu para um novo sistema de gerenciamento, o "Terrain Management System", que permite selecionar diferentes modos e otimizar a dinâmica do veículo de acordo com as condições do ambiente - como neve, lama, areia ou outros tipo de piso.

Para otimizar o desempenho, a nova Raptor traz também nova calibração no motor, do controle de tração, freio ABS e controle de estabilidade. Ela tem seis modos predefinidos: Normal, para condução diária; "Street", para direção na cidade; "Wheater", para rodar na chuva, neve ou gelo; "Mud and sand", para trilhas de lama e areia; "Baja", para rodagem no deserto em alta velocidade; e "Rock", para andar em baixa velocidade nas pedras.

Mais capacidade
O diferencial dianteiro Torsen, opcional, aumenta a capacidade off-road da nova picape. O sistema aumenta de forma significativa a aderência na dianteira da Raptor e permite atravessar obstáculos e rampas íngremes. Desenvolver uma picape off-road de alta performance não se limita à potência do motor - a suspensão também é muito importante.

A nova Raptor vem de série com amortecedores "Fox Racing Shox" com tecnologia que amortece e endurece o curso da suspensão em terrenos acidentados para aumentar a estabilidade. A avançada tecnologia de iluminação LED e câmera contribui para melhorar a visibilidade de dia e à noite.

Controle e conforto
O design externo da F-150 Raptor transmite uma imagem de força, enquanto o interior cria um ambiente confortável para o motorista e os passageiros curtirem seus momentos na estrada e fora de estrada. O interior tem acabamento em três opções de cores e teclas para o controle manual do câmbio de 10 velocidades.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.