terça-feira, 3 de Março de 2015 12:23h Atualizado em 3 de Março de 2015 às 12:25h.

FORD LIDERA VENDAS DE CAMINHÕES LEVES E SEMILEVES E CRESCE EM PARTICIPAÇÃO EM FEVEREIRO

A Ford foi a marca que mais cresceu em participação no mercado de caminhões em fevereiro, comparado ao mesmo período do ano passado, fechando o mês com uma fatia de 20% nos emplacamentos - o seu melhor resultado desde fevereiro de 2009

Esse avanço se deu principalmente com o desempenho nos segmentos de caminhões semileves e leves, que a marca liderou em fevereiro com os modelos da Série F e Cargo.

Apesar da queda acentuada de volumes da indústria, esse resultado reflete o ganho de espaço da marca com uma estratégia de produtos diversificada e focada no custo-benefício para os transportadores. A Ford Caminhões conquistou nada menos que 6,6 pontos porcentuais de participação na comparação com o mesmo mês do ano passado.

"Os caminhões Ford sempre se destacaram pelo custo-benefício e essa vantagem agora tornou-se mais evidente, na medida em que os transportadores se concentram em otimizar o rendimento de suas frotas. É o nosso segundo mês consecutivo de aumento de participação", diz Antonio Baltar, gerente de Marketing e Vendas da Ford Caminhões.

Outro ponto que chama a atenção no desempenho da Ford Caminhões é o crescimento diversificado em importantes mercados regionais. Nas regiões de Porto Alegre, Brasília e Interior de São Paulo, por exemplo, a sua participação ficou acima de 25%, superando a média nacional. Curitiba, Nordeste e Rio de Janeiro foram outros locais onde a marca cresceu no período.

Série F e Linha Cargo
A Ford liderou o segmento de caminhões leves, de 6 a 10 toneladas de peso bruto total, com uma participação de 31,8% em fevereiro. Além do Cargo 816 e do Cargo 1119, modelo com a maior potência e capacidade de carga da categoria, a marca também oferece os novos F-4000 e F-4000 4x4, da tradicional Série F, lançados no final do ano passado e muito bem aceitos pelos clientes. Em comparação com fevereiro do ano passado, o crescimento da marca nessa faixa foi de 8,6%.

            A Ford liderou também o segmento de caminhões semileves, de 3,5 a 6 toneladas de peso bruto total, com uma participação de 38,3%. As vendas, nesse caso, se concentram no F-350, veículo que reúne características únicas de cabine, robustez e potência para operações como manutenção de redes elétricas e transporte de equipamentos.

No segmento de caminhões médios, com peso bruto total de 10 a 13 toneladas, a Ford cresceu 5,8 pontos percentuais no período com o modelo Cargo 1319, aumentando sua participação para 20,6%. No segmento de caminhões 6x4, os chamados traçados, o avanço foi de 5,5 pontos percentuais, para 21,9%. Nos cavalos-mecânicos até 47 toneladas o crescimento foi ainda maior, de 7,6% pontos percentuais com o modelo Cargo 1933, que ficou com 14,3% de participação.

"A chegada dos novos produtos e a dedicação da rede de distribuidores colocou a Ford Caminhões em um novo patamar no mercado e vamos consolidar essa posição ao longo de 2015, atuando de forma muito próxima dos nossos clientes para oferecer o melhor atendimento", destaca Baltar.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.