terça-feira, 3 de Novembro de 2015 08:51h

Inscrições prorrogadas para InovaSUS 2015

Propostas podem ser apresentadas até o dia 16 de novembro. Concurso visa a estimular boas práticas de gestão da educação e do trabalho na saúde, com prêmios de até R$ 300 mil

Gestores, entidades e organizações que possuam iniciativas inovadoras na gestão na área da saúde ainda têm a oportunidade de divulgar seus projetos e concorrer a prêmios com valores atrativos. O InovaSUS 2015, concurso que premia boas práticas na gestão da educação e do trabalho na saúde, teve as inscrições prorrogadas até o dia 16 de novembro. A premiação, que acontece em seu 5° ano consecutivo, é resultado de uma série de iniciativas que buscam valorizar práticas inovadoras e favorecer a articulação interfederativa, a integração e o aprimoramento dos processos de gestão no SUS.

Nesta edição, o concurso apresenta dois editais distintos: um premia projetos de gestão da educação nas modalidades Educação Permanente em Saúde para o SUS e Integração Ensino-Serviço; e o outro, experiências e projetos na gestão do trabalho na saúde. Ao todo, serão selecionados 62 projetos e experiências a serem contemplados com prêmios de valores entre R$ 60 mil e R$ 300 mil.

O secretário de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde do Ministério da Saúde, Hêider Pinto, enfatiza a importância de se valorizar boas experiências de gestão. “É essencial valorizarmos iniciativas inovadoras que desenvolveram boas práticas de educação permanente, que avançaram na integração ensino-serviço para o SUS e para a formação, além das ações que produziram o encontro entre valorização, satisfação e participação dos trabalhadores com a qualidade do serviço prestado à população. Esses casos precisam ser destacados, estudados e ter seus elementos de sucesso compartilhados”, declara.

Podem apresentar propostas secretarias de saúde dos estados, municípios e Distrito Federal, consórcios públicos municipais, fundações públicas municipais e estaduais de saúde no âmbito do SUS e instituições públicas e privadas sem fins lucrativos. As inciativas poderão ser apresentadas de forma conjunta, articulando mais de um proponente, ou, ainda, em parceria com organizações da sociedade civil e prestadores de serviço ao SUS.

O edital voltado para gestão do trabalho receberá projetos sobre os temas “promoção da saúde do trabalhador do SUS”; “democratização das relações de trabalho no SUS”; “combate à discriminação no local de trabalho (de gênero, raça e etnia); “desprecarização dos vínculos de trabalho no SUS”; e “valorização dos agentes de saúde e endemias”. Já o edital com foco em educação compreende duas modalidades: “educação permanente em saúde para o SUS” e “integração ensino-serviço-comunidade”.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.