segunda-feira, 22 de Junho de 2015 11:05h

Mecanização do café conilon será debatido no IX Simpósio de Pesquisa dos Cafés do Brasil

Tecnologia pesquisada pelo Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper) e parceiros permitirá redução de custos de mão de obra e melhoria da qualidade do café, contribuindo para a sustentabilidade da cafeicultura do Espírito Santo

Uma das principais dificuldades dos cafeicultores é a escassez de mão de obra durante o período da colheita. Nesse sentido, o Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper) - instituição participante do Consórcio Pesquisa Café, coordenado pela Embrapa Café -, em parceria com a Ufla, Embrapa, produtores e empresas ligadas à indústria de máquinas, tem realizado estudos para a adaptação de colheitadeiras mecânicas para as lavouras de café conilon do Espírito Santo. Os estudos analisaram diversos aspectos inerentes à colheita do conilon: o desempenho por hectare das colheitadeiras nas diferentes lavouras, os custos de produção e as características da planta, arquitetura dos materiais genéticos, número de hastes/planta, uniformidade de maturação e até a força necessária ao desprendimento dos grãos, foram observados.

Os resultados e benefícios dessa pesquisa de adaptação e utilização de máquinas modernas e disponíveis no mercado na cafeicultura capixaba serão discutidos no IX Simpósio de Pesquisa dos Cafés do Brasil, promovido pelo Consórcio Pesquisa Café no Centro de Convenções de Curitiba, Paraná, de 24 a 26 de junho. O tema será apresentado no Painel 4 "Café Conilon – Mecanização" pelo pesquisador do Incaper José Antônio Lani e Walmi Gomes Martins, agrônomo da Jacto Máquinas Agrícolas. Essa edição do evento conta com o Instituto Agronômico do Paraná – IAPAR como anfitrião e apoio do Instituto Paranaense de Assistência Técnica e Extensão Rural - Emater-PR.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.