terça-feira, 10 de Março de 2015 12:41h

Participação das mulheres no PAA chega a 50% em 2014

O envolvimento das mulheres nas atividades do meio rural está cada vez maior

O número de fornecedoras no Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) chegou a aproximadamente 25,6 mil, o que representa 50% do total de participantes. Em 2009, o percentual feminino era de 21%.

A participação é mais expressiva na modalidade Compra com Doação Simultânea. Neste caso, a presença das mulheres como fornecedoras chega a 52%. “As ações de promoção da participação das produtoras rurais visam estabelecer relações de igualdade e de oportunidades no meio rural”, ressalta o diretor de Política Agrícola e Informações da Companhia, João Marcelo Intini.

O Nordeste continua sendo a região brasileira que apresenta maior percentual de participação feminina no programa, 60%. O Norte vem na segunda colocação, com 51%, seguido do Sudeste e Centro-Oeste, com 49% cada. A Região Sul apresenta o menor índice, com 41% de mulheres no Programa.

Este resultado é reflexo da resolução nº 44 do Grupo Gestor do Programa, implementada a partir agosto de 2011. O dispositivo determina a participação de pelo menos 40% de mulheres do total de produtores para que os agricultores familiares possam participar das operações feitas nas modalidades de Compra da Agricultura Familiar e Compra Direta Local com Doação Simultânea. Para as modalidades Incentivo à Produção e ao Consumo de Leite (PAA Leite) e Formação de Estoques, o percentual é de 30%.

Aumento de renda

A participação das mulheres produtoras rurais em atividades de comercialização, além de melhorar a renda, ajuda a promover a autonomia econômica. A presença cada vez maior do público feminino, combinada com os aumentos de limites do Programa nos últimos anos, elevou a renda da trabalhadora rural participante do PAA de R$ 3,4 mil em 2009 para R$ 6,5 mil no último ano. “A partir do PAA, queremos promover o empoderamento das mulheres no campo, além de garantir que elas desempenhem suas atividades com mais reconhecimento e valorização”, ressalta o diretor.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.