quarta-feira, 24 de Junho de 2015 14:05h Atualizado em 24 de Junho de 2015 às 14:08h.

Pediu Carteira de Trabalho no SINE e não retirou o documento? Seu nome pode ser bloqueado no Sistema Nacional de Emprego

O SINE de Mateus Leme faz um alerta aos usuários que solicitaram a emissão de Carteira de Trabalho no município e ainda não retiraram o documento

A identidade funcional que fica retida no órgão pode impedir a seu portador de ter pleno acesso aos benefícios do Sistema como, por exemplo, solicitar segunda via do documento.

A atendente do SINE de Mateus Leme, Maíra Pereira, explica o por quê. Segundo ela, o sistema impede a emissão de novas carteiras para aqueles cidadãos que solicitaram o documento, mas não buscaram a caderneta. “É como se bloqueassem o cadastro de alguém e, a partir daquele instante, a pessoa não estivesse mais ativa no sistema”, exemplifica.

No município, de 2011 até este ano, 127 carteiras de trabalho foram deixadas para trás no SINE. O número é expressivo. Em média duas carteiras não são retiradas por mês na unidade.

2014 foi o ano em que os usuários mais se esqueceram de voltar para buscar o documento: 30 pessoas não retornaram à agência para retirar o passaporte trabalhista. Em 2015, o número é maior. Nos seis primeiros meses do ano já são 41 trabalhadores que não retiraram o registro.

“O SINE está alertando a população porque deixar o documento na agência pode trazer consequências negativas. Uma delas é bloquear a emissão de novos documentos para o usuário, ainda que ele faça a solicitação do serviço em outro município e até mesmo outro estado”, afirmou Maíra.

Ainda segundo ela, o SINE não envia as carteiras de trabalho pelos Correios. Portanto, se o usuário fez o pedido do documento em Mateus Leme e mudou de cidade, terá de voltar ao município para reaver o documento.

Para retirar a carteira de trabalho é necessário levar a identidade. O SINE de Mateus Leme funciona na rua Pereira Guimarães, 261, no Centro. O telefone para mais informações é o 3535.1401.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.