quarta-feira, 4 de Novembro de 2015 13:21h

Produção industrial do país recua 1,3% em setembro (-1,3%)

Em setembro de 2015, a produção industrial recuou 1,3% frente ao mês imediatamente anterior, na série livre de influências sazonais, quarto resultado negativo seguido, acumulando nesse período perda de 4,8%. Na série sem ajuste sazonal, no confronto com igual mês do ano anterior, o total da indústria apontou queda de 10,9% em setembro de 2015, 19ª taxa negativa consecutiva nesse tipo de comparação e a mais acentuada desde abril de 2009 (-14,1%). Assim, os índices do setor industrial foram negativos tanto para o fechamento do terceiro trimestre de 2015 (-9,5%), como para o acumulado dos nove meses do ano (-7,4%), ambas as comparações contra iguais períodos do ano anterior. A taxa anualizada, indicador acumulado nos últimos 12 meses, com o recuo de 6,5% em setembro de 2015, assinalou a perda mais intensa desde dezembro de 2009 (-7,1%) e manteve a trajetória descendente iniciada em março de 2014 (2,1%).

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.