quarta-feira, 19 de Agosto de 2015 12:40h Atualizado em 19 de Agosto de 2015 às 12:43h.

"SPIDERMEN": ENGENHEIROS DA FORD CRIAM SISTEMA ANTIARANHA PARA O FOCUS RS

A Ford vem desenvolvendo um sistema muito curioso de proteção agora aplicado no esportivo Focus RS, nos Estados Unidos

Trata-se de um dispositivo  para evitar a entrada de teias de aranha no tubo evaporador de combustível, um fato muito comum na América do Norte. Pelo ineditismo da criação, os engenheiros deste projeto foram chamados carinhosamente de "Spidermen" (Homens-Aranha) e acabaram sendo os  personagens de uma divertida história em quadrinhos no estilo do super-herói, conforme mostrado no anexo.

"Estamos constantemente aprimorando nossas tecnologias diferenciadas voltadas para o dia-a-dia dos clientes, mesmo quando se trata de conjuntos mecânicos que já estão funcionando", afirma William Euliss, engenheiro de sistemas de combustível da Ford. "O importante é chegar ao detalhe em tudo o que facilitará a vida das pessoas, como é o caso dessa proteção antiaranha. Acreditamos que a engenharia é uma área vital que visa às grandes inovações e também ao desenvolvimento de recursos para a melhoria no uso cotidiano de nossos veículos," acrescenta.

As chamadas aranhas amareladas proliferam na América do Norte e tem uma particularidade: gostam de fazer ninho dentro dos carros. Em vez de usar teias para capturar suas presas, elas tecem um casulo para abrigar os seus ovos.  Os seus locais preferidos são os dutos de combustível, o que acaba bloqueando a saída de vapor. E isso reduz o potencial de desempenho do veículo, o que é muito prejudicial especialmente num esportivo como o Focus RS.

O dispositivo funciona como um conjunto de telas protetoras projetado para integrar-se ao sistema mecânico sem causar interferências ou danos internos. Apesar de parecer uma ideia simples, é bem prática porque é resultado de muita pesquisa sobre os hábitos desse inseto. Produzido em material especial e perfeitamente atado aos dutos, o mecanismo preserva o fluxo constante de ar e vapor. O objetivo é manter os canais de evaporação de combustível livres,  situação fundamental para a circulação entre o tanque e o filtro.

Essa inovação, futuramente, poderá ser instalada em outros veículos da marca, em qualquer região do mundo. No momento, é aplicada no Focus RS, nos Estados Unidos, e em breve outros carros da marca terão a tela antiaranha aprimorada.

Personagem
Um dos personagens dessa nova história "Spidermen" é o engenheiro David Gimby, especialista em sistemas de combustível da Ford. Ele começou a trabalhar para combater o problema há alguns anos. Sem nenhuma experiência em "aracnologia", ciência que estuda essa espécie, ele pesquisou os modos e hábitos desses insetos durante bastante tempo. Criou uma primeira tela em 2004 e foi evoluindo seu trabalho até chegar na versão atual.

"Estas espécies de aranhas são da família "Cheiracanthium mildei" e "Cheiracanthium inclusum". Apesar do nome complicado, não são sedentárias e se dedicam à caça constante de alimentos", explica Gimby. "As fêmeas, quando querem construir um casulo para pôr seus ovos ou se abrigarem no inverno, buscam uma cavidade ou uma depressão. O duto de vapor de combustível é um local perfeito porque permite maximizar o uso da seda na formação das teias. Assim estudamos essas espécies para entender como elas formam seu ninho e projetamos um dispositivo eficaz para manter as maiores, e mais problemáticas, afastadas dos nossos carros," explica o curioso especialista.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.