Nova Serrana Feira e Moda chega à sua terceira edição com perspectivas de grande volume em vendas.

Expectativa é que sejam comercializados mais de um milhão de pares de calçados.

Começa hoje mais uma Nova Serrana Feira e Moda em São Paulo. 135 marcas do Polo Calçadista de Nova Serrana participam desta edição.  Nos três dias de evento, são aguardados três mil visitantes e estima-se que sejam vendidos mais de milhão de pares de calçados .

"Para o polo (calçadista) esta feira é muito importante porque dá a sinalização para o ano 2020. A feira gerando bons negócios irá motivar os empresários a investir mais em coleções e também a empregar mais. O ano está começando de uma maneira muito positiva e esperamos vender mais de 1 milhão de pares", avalia o presidente do Sindinova, Ronaldo Lacerda.

Por ser o principal polo econômico do país, a capital paulista atrai comerciantes do Brasil e do exterior. Realizar a feira aqui tem mostrado aos fabricantes de calçados um novo caminho para grandes volumes de vendas, além de divulgar as marcas para lojistas de diversas partes do mundo.

Lacerda pondera ainda que a expressividade da feira irá direcionar o mercado nos próximos meses. "Nós temos um mercado consumidor muito grande no Brasil e São Paulo é o principal deles, é onde temos o maior número de vendas do Polo de Nova Serrana. Um grande número de pedidos já vai indicar como será o ano e o fabricante poderá se preparar melhor de acordo com as vendas", finalizou.

© 2009-2020. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.