terça-feira, 24 de Maio de 2011 11:00h Marciel Muniz

Assassino de ex-namorada liga para polícia e confessa crime

O autor de um homicídio cometido no último sábado no bairro Santa Rosa em Divinópolis foi preso na tarde deste domingo após confessar que havia matado sua ex-namorada Keila Rodrigues de Oliveira, 32 anos.

 

 

A delegacia de Polícia Civil já havia expedido um mandado de prisão preventiva para Hudson Santos Barbosa, 30 anos, que era o principal suspeito de cometer o homicídio. O autor que estava foragido desde que cometeu o crime foi localizado em um sítio nas proximidades do bairro Serra Verde em Divinópolis.

 

De acordo com informações do delegado de Polícia Civil Éderson Gonçalves da Silva, Hudson entrou em contato com a polícia e confessou que havia assassinado sua ex-namorada com requintes de crueldade após ter usado grande quantidade de crack. “Hudson ao confessar o crime, relatou que após chegar de um passeio com sua companheira, usou uma grande quantidade de drogas, e ao ser reprimido por sua namorada os dois entraram em atrito verbal, até que se desencadeou uma briga entre o casal. O autor ressaltou friamente que estrangulou Keila com as próprias mãos até matá-la. Em seguida ele amarrou os pés da vítima com um cinto, a enrolou em lençóis e colocou o corpo dentro de um tambor de lixo.” explicou o delegado.

 

 

O autor prestou depoimento ao delegado Marcelo Nunes e foi encaminhado à unidade Prisional Floramar, onde, se condenado, cumprirá pena de 12 a 30 anos de prisão por homicídio qualificado. Segundo testemunhas, Hudson era usuário de drogas, e estava inconformado com um recente rompimento de seu relacionamento com Keila.

 

Crueldade

 

 

O homicídio teria ocorrido na madrugada do último sábado e foi descoberto pela manhã por policiais militares, após receberam queixa de amigas da vítima que desconfiaram da ausência dela na faculdade.

 

Após a queixa os militares compareceram à residência de Keila, onde pularam o muro e encontraram várias marcas de sangue no quintal. Ao vasculharem todo o terreno encontraram o corpo de Keila na varanda da residência no bairro Santa Rosa escondido dentro de um tambor usado para colocar lixo. De acordo com informações da polícia, o namorado da vítima foi visto por testemunhas dirigindo o carro de Keila na manhã de domingo, no bairro Niterói, ficando foragido até a tarde quando foi localizado no bairro Serra Verde.

Leia Também

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.