sábado, 14 de Novembro de 2015 02:11h

Autoridades discutem estratégias de contenção da violência praticada por menores infratores

Foi realizada nesta quinta-feira, uma reunião com várias autoridades ligadas à questão de menores em conflito com a Lei

Segundo dados apresentados pela Polícia Militar, de julho a outubro de 2015 foram apreendidos em flagrante 49 adolescentes envolvidos na prática de atos infracionais graves (homicídio, roubo, porte ilegal de arma e tráfico de drogas), número preocupante e que chamou a atenção das autoridades, que se mobilizaram para analisar o problema em busca de uma solução.
Foram apresentados dados pelo Centro de Referência Especializado da Assistência Social (CREAS), com foco nas medidas socioeducativas em meio aberto (liberdade assistida e prestação de serviço à comunidade), além da questão sociofamiliar dos adolescentes. Também apresentaram dados específicos sobre o tema ‘A Direção do Centro Socioeducativo’.
Foi apresentado ainda, pelo Tenente Sassada da Polícia Militar, um projeto social de sucesso, aplicado na região de Venda Nova, em Belo Horizonte, denominado ‘Debutantes da Paz’, como um modelo a ser seguido.
Ao final das apresentações, foi realizado um amplo debate entre os representantes de cada órgão envolvido no processo, com vistas a uma harmonização dos esforços, de maneira articulada e pontual, visando o apoio recíproco de todos e de cada um, na efetiva busca da solução do problema.
Participaram do evento: representantes da Polícia Militar, Prefeitura de Divinópolis, Juizado da Infância e Juventude, Promotoria da Infância e Juventude, Polícia Civil, Centro Socioeducativo, Defensoria Pública, Conselho Tutelar, Comissariado de Menores, Associação Comunitária para Assuntos de Segurança Pública (ACASP).

 

 

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.