quinta-feira, 14 de Agosto de 2014 07:51h

Bom Despacho e Pompéu registram tentativa de homicídio

Um adolescente de 17 anos foi atingido por dois disparos de arma de fogo em Bom Despacho. Em Pompéu, um jovem de 25 anos foi atingido por um disparo. Nenhum dos dois corre risco de morrer.

De acordo com a Polícia Militar de Bom Despacho, um homem, de 51 anos, acionou os militares e informou que a vítima, de 17 anos, havia subido em cima do telhado da varanda de sua residência e caído no chão, não sabendo informar maiores detalhes do fato.
O menor alegou ter sido atingido por projéteis de arma de fogo e foi socorrido até o Pronto Socorro Municipal, onde foi atendido pelo médico plantonista que constatou uma perfuração na coxa direita e uma no testículo esquerdo. Os disparos atravessaram o corpo da vítima e, de acordo com a equipe médica, provavelmente os projéteis são de calibre 32.
O menor disse aos militares que os disparos foram feitos a mando de um jovem de 18 anos, que estava acompanhado de mais dois indivíduos e que eles fugiram em um carro, tomando rumo ignorado.
O adolescente, que é conhecido no meio policial por envolvimento no tráfico de entorpecentes e é suspeito de pelo menos dois homicídios ocorridos na cidade, se recusou a falar sobre a motivação do crime, alegando que estava sentindo muita dor e não conseguia falar.
Durante a madrugada de ontem, através das redes sociais, militares obtiveram uma foto de um jovem, de 20 anos, sendo apresentada à vítima que o reconheceu como o motorista do veículo utilizado na fuga do atirador. Uma foto de um menor, de 14 anos, também foi apresentada à vítima, que o reconheceu como aquele que atirou.
O menor foi localizado em casa e apreendido. A mãe do menor infrator acompanhou a ocorrência e informou que seu filho possui amizade com os outros dois. O menor ameaçou a mãe dizendo que ela falava demais e que eles iriam “pegá-la.” A arma utilizada no crime e os maiores de idade não foram localizados.

 

 

 

 

Pompéu
Em Pompéu, a Polícia Militar recebeu denúncias de que um indivíduo teria sido alvejado por disparo de arma de fogo, no bairro São José. De imediato os militares deslocaram-se ao local onde viram a vítima, de 25 anos, caída no chão com uma perfuração na coxa direita, provocada por arma de fogo,.
A vítima contou aos militares que estava sentado na calçada, de cabeça baixa, quando percebeu a aproximação de uma motocicleta com dois ocupantes, tendo o passageiro efetuado um disparo em sua direção e fugindo em seguida. A vítima não conseguiu identificar os criminosos, nem a motocicleta e a arma utilizadas.
Ela foi socorrida e levada ao Pronto Atendimento, sendo atendida pela médica plantonista que constatou perfuração causada por disparo de arma de fogo na região interna da coxa, vindo a fraturar o fêmur, ficando o projétil alojado. A vítima tem envolvimento com o tráfico de drogas e o local dos fatos é utilizado para a venda de entorpecentes. Ela foi transferida para o Hospital Municipal de Sete Lagoas. Nenhum suspeito foi preso.

 

 

 

 

Apreensão
Militares se deslocaram até um restaurante localizado na rodovia MG-050, em Divinópolis, onde, segundo informações, havia uma arma exposta na parede do estabelecimento. No local os militares localizaram e apreenderam uma espingarda sem numeração. O proprietário do restaurante, de 57 anos, foi preso e conduzido à delegacia.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.