quinta-feira, 10 de Maio de 2012 11:26h Vinicius Soares

Caminhão de carga tomba na trincheira da Rua Goiás

Veículo de grande porte tombou ao realizar manobra para contornar o trecho da trincheira no cruzamento da Rua Goiás com a MG-050, no Bairro Orion. Muitos grãos de feijão se espalharam por toda pista

Um caminhão de carga tombou após uma tentativa de contornar o trevo da trincheira na Rua Goiás com MG-050, no final da via, na manhã de ontem (08), por volta das 9h30 da manhã.
O veículo com a placa MGD-5324, de grande porte, ficou tombado no local por quase três horas, o que gerou uma retenção desproporcional ao horário e localidade.
Vários carros, ônibus e algumas motos ficaram retidas, até receberem instruções para desviarem a rota por uma das outras pistas.
O transporte era de feijão, de uma empresa tradicional em Divinópolis.
O condutor tinha acabado de sair da firma e se dirigia para um município vizinho, na Região Centro-Oeste mineira.
No início, alguns voluntários recolheram com pás a mercadoria e as colocaram em um saco.
Segundo testemunhas, ele descia de forma acelerada no sentido Centro-Orion quando fazia a curva e ao se aproximar do trecho, a carga teria pesado e nisso ele teria perdido o controle da direção, quando por fim, tombou.
Moradores locais acionaram a  PM.
De acordo com o Sargento Adriano Barbosa, da Polícia Militar, o condutor alegou ter estourado uma peça da direção, o que teria feito com que perdesse o controle da situação e por isso os indícios são de falha mecânica.
“Com o que foi relatado pelo caminhoneiro, o barrote (peça instaurada na barra de direção) se rompeu e na curva, quando ele manobrava, o peso se posicionou de um lado só, o que teria feito ele tombar para o lado esquerdo da pista. A princípio, ao que tudo indica seria uma falha mecânica, mas são diversas as hipóteses que predominam o acidente” explicou o sargento.
O motorista estava muito abalado emocionalmente e por estar nervoso, preferiu não dar nenhum depoimento.
Mais tarde, a Polícia Rodoviária chegou ao local do ocorrido e ajudou a PM para efetuarem o B.O..
Até as 12h30, o trânsito já tinha sido normalizado e com o auxílio de uma retroescavadeira solicitada pela empresa responsável pelo transporte dos feijões, e foi possível a limpeza do local.  

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.