sexta-feira, 14 de Agosto de 2015 11:16h Atualizado em 14 de Agosto de 2015 às 11:21h.

Complexo Penitenciário em Pará de Minas inaugura fábrica de blocos de concreto

A fábrica já está com uma encomenda de 100 mil peças e localiza-se na área extramuros do Complexo Penitenciário Doutor Pio Canedo, em Pará de Minas, Região Central do Estado

Em breve, fornecerá material para a nova unidade prisional, que está sendo construída ao lado do complexo penitenciário.
A inauguração acontece hoje, mas a produção da Preforte Pré-fabricados começou a funcionar há cerca de um mês, com dois detentos trabalhando e hoje conta com 10. Este número pode chegar a vinte nos próximos meses, de acordo com o aumento das encomendas.
Leandro Quirino, sócio da empresa, conta que também está produzindo mourões, meio-fio, piso intertravado e laje treliçada de cimento. “A parceria é compensadora para todos. Dentre as diversas vantagens para o empresário, podemos destacar a assiduidade e dedicação dos presos.”
A diretora-geral da unidade prisional, Sara Simões Pires, destaca a importância das parcerias de trabalho, lembrando que o empenho dos servidores e detentos é fundamental para conquistar a confiança das empresas nas linhas de produção dentro da unidade. “Hoje, felizmente, temos empreendedores na fila de espera para instalar oficinas de trabalho dentro do Complexo Pio Canedo”, revela a diretora.
Graças a parcerias com empresas e instituições, o Complexo Penitenciário Doutor Pio Canedo acaba de atingir a marca de 300 presos trabalhando, em atividades que vão desde a preparação de palha de milho para cigarros artesanais, limpeza urbana, em parceria com a Prefeitura de Pará de Minas, montagem de brindes e fabricação de palets de madeira.

 

Crédito: Agência Minas

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.