sexta-feira, 8 de Fevereiro de 2013 04:48h Erik Ullysses

Corpo de Bombeiros intensificará presença na região da barragem e nas rodovias no período do Carnaval

O Corpo de Bombeiros Militar de Divinópolis prepara ações para intensificar a presença na região da barragem e também nas rodovias que cortam as cidades da região durante o Carnaval. O motivo desse empenho do efetivo nesses lugares se deve ao fato do grande número de foliões que pegam as estradas ou vão a regiões de rios, lagos e balneários.
Somente no carnaval de 2012 o 10° Batalhão de Bombeiros de Divinópolis, e as outras cidades que estão sob sua cobertura, registraram o total de 439 ocorrências. De acordo com o Corpo de Bombeiros, a maioria das ocorrências registradas durante este período engloba justamente os acidentes de trânsito e afogamentos.
Segundo o comandante do 10° BBM, o major Manoel dos Reis Morais, o planejamento do Corpo de Bombeiros para o carnaval já foi realizado. Ele explicou como será o funcionamento da Operação Carnaval, que terá início na próxima sexta-feira e se estenderá até 21 horas da quarta-feira de cinzas. “Para o Carnaval nós já fizemos o nosso planejamento, vamos ter a nossa meta de efetivo no Lago das Roseiras e na Pedra do Calhau. Normalmente em feriados prolongados a gente lança o ponto base em rodovias. O objetivo desse ponto base é a redução do tempo resposta. Em caso de acidente a gente conta com viaturas equipadas e com os bombeiros para poder dar a prestação de socorro mais imediata” disse.
O 10° Batalhão de Bombeiros Militar possui um total de oito unidades, Divinópolis (sede), Itaúna, Pará de Minas, Nova Serrana, Formiga, Piumhi, Passos e São Sebastião do Paraíso.

Dicas de segurança para os foliões que forem para regiões de rios e lagos: (box)

- Não ultrapasse faixas e placas de aviso em rios, lagos e balneários;
- Não entre em locais onde há avisos de perigo de morte ou em águas poluídas;
- Procure sempre local onde há a presença de guarda-vidas, ou o Corpo de Bombeiros;
- Evite nadar sozinho;
- Não tome bebida alcoólica antes de entrar na água;
- Não se afaste da água;
- Não tente salvar pessoas em afogamento sem estar devidamente habilitado;
- Evite brincadeiras de mau gosto (“caldos”, “trotes”, “saltos”);
- Acate as orientações dos Militares do Corpo de Bombeiros ou dos salva-vidas;
- Não deixe as crianças sozinhas;
- Só deixe entrar na embarcação pessoas usando coletes salva-vidas;
-Somente conduza embarcações se for habilitado para tal

 

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.