segunda-feira, 1 de Dezembro de 2014 06:23h

Corpo de Bombeiros Militar forma 120 novos sargentos em Belo Horizonte

A seleção dos militares foi feita pela Academia de Bombeiros Militar (ABM), dentre cabos e soldados da própria corporação

O Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CBMMG) realizou, nesta quinta-feira (27/11), no Clube dos Oficiais, em Belo Horizonte, a formatura de 120 novos sargentos. O evento foi presidido pelo chefe do Estado-Maior, coronel Ezequiel Silva, e teve como paraninfo o secretário de Defesa Social, Marco Antônio Romanelli. A primeira colocada foi homenageada com uma placa e com a Medalha de Mérito Intelectual, criada em 2003 e símbolo do reconhecimento da dedicação e empenho do aluno na conquista do primeiro lugar.

“É com grande satisfação e emoção que recebi e aceitei o convite para ser paraninfo dos novos sargentos do Corpo de Bombeiros. Para ser um bombeiro militar é preciso ter consciência da grandeza da profissão e possuir um coração corajoso e nobre. Para destacar a importância do trabalho dos bombeiros, somente em 2013, foram 334 mil ocorrências atendidas, que protegeram nossos familiares, lares e recursos naturais”, destacou o secretário.

Em nota, o comandante-geral do CBMMG, coronel Ivan Gamaliel, destacou a perseverança e a garra dos alunos durante o curso, fatores que os ajudaram a transpor as barreiras. “As forças exigidas durante o curso, não diminuíram. Pelo contrário, foram multiplicadas, envolvidas pelo sentimento de fraternidade que surge dos momentos de dificuldade comuns a um grupo e que, invariavelmente, estão na essência do profissional Bombeiro Militar”, disse.

A seleção dos militares foi feita pela Academia de Bombeiros Militar (ABM), dentre cabos e soldados da própria corporação. O Curso de Formação de Sargentos teve início em março deste ano, com carga horária de 1040 horas/aula, e abordou disciplinas teóricas e práticas que vão auxiliar os sargentos recém-formados em suas novas atribuições. A turma foi composta por militares da capital e também do interior e a maior deles deverá retornar à cidade de origem.

Entre as disciplinas estudadas estão: Tiro Prático, Técnica Policial Militar, Direito Penal e Penal Militar, Direito Processual Penal e Processual Penal Militar, Direito Civil, Direito Administrativo, Direitos Humanos, Gestão de Recursos Humanos, Processos Administrativos, Gestão Financeira e Orçamentária, Sistema de Segurança Contra Incêndio e Pânico, Linguagem Brasileira de Sinais (Libras), Técnicas e Táticas de Combate a Incêndio Urbano e Combate a Incêndio Florestal, Salvamentos Terrestre e em Altura e Produtos Perigosos. Desde a sua criação em 2011, ABM já coordenou a formação de mais de 460 Sargentos.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.