quinta-feira, 25 de Agosto de 2011 11:48h Natalia Santos

Corpo encontrado no rio continua sem reconhecimento


Continua desconhecido o corpo encontrado nesse domingo, 21 de agosto, boiando no Rio Itapecerica próximo no povoado de Cachoeira Ponte de Ferro, mais conhecida como Prainha do 49. Esta informação foi passada pelo delegado Marcelo Nunes na tarde de ontem, 24 de agosto.

 

De acordo com o delegado já foram realizadas diversas buscas e investigações visando a identificação da vítima. No entanto essas iniciativas não tiveram êxito e até o momento nenhuma família procurou o IML para o reconhecimento. A suspeita segundo Marcelo é que o corpo seja de outra cidade, tenha sido assassinado e jogado no rio para desova.

 

O corpo foi encontrado no final de semana. A Polícia Militar foi acionada e encontrou o corpo boiando conforme descrito pelos frequentadores do local. O indivíduo foi vitima de homicídio, uma vez que o corpo foi encontrado enrolado em um cobertor, com as mãos e pés amarrados e já estava em estado de putrefação. A análise da perícia criminal indicou que a vítima tem entre 25 e 30 anos, é de cor clara, apresentava ferimentos nas costas e possuía tatuagem no antebraço, não podendo identificá-la e aparentava estar em estado de putrefação de três a cinco dias.
 

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.