quinta-feira, 3 de Outubro de 2013 06:47h Luiz Felipe Enes

Detentos da cadeia de Carmo do Cajuru fazem buraco na parede

Cerca de nove presos tentaram fugir durante a madrugada de ontem da cadeia pública de Carmo do Cajuru. Segundo informações, os detentos fizeram um buraco na parede do local, que fica no Centro da cidade.

Cerca de nove presos tentaram fugir durante a madrugada de ontem da cadeia pública de Carmo do Cajuru. Segundo informações, os detentos fizeram um buraco na parede do local, que fica no Centro da cidade.
Como não existe um sistema prisional que monitore e controle o fluxo de presidiários dentro da cadeia pública de Carmo do Cajuru, o trabalho sobrecarrega, na maioria das vezes, as Polícias Civil e Militar, responsável por controlar a movimentação interna.
Nove detentos aproveitaram a troca de turno para fazer um buraco na parede e tentar fugir da cadeia. De acordo com a polícia, a movimentação realizada pelos detentos pode ser contida antes que eles tentassem fugir. Um pedreiro foi chamado para reparar os danos na cela, e os presos, remanejados para outra ala.
A cadeia de Carmo do Cajuru passou recentemente por uma discussão entre o poder legislativo da cidade junto com representantes da Assembléia Legislativa, para colocar em pauta as questões de comando da cadeia. A capacidade atualmente é de apenas 25 presos, entretanto, abriga 58.

Leia Também

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.