quinta-feira, 29 de Agosto de 2013 05:42h Atualizado em 29 de Agosto de 2013 às 05:45h. Luiz Felipe Enes

Dia do soldado é comemorado com homenagens a Militares em Divinópolis

Militares são homenageados pelo dia do soldado. A solenidade registrada ontem (28), contou a presença de autoridades públicas, que debateram a questão da segurança no município de Divinópolis.

Em comemoração a semana do soldado, o 23° Batalhão de Polícia Militar de Divinópolis promoveu na manhã de ontem, uma solenidade para homenagear policiais pelo seu desempenho. A cerimônia contou com a presença do prefeito, alguns vereadores e autoridades públicas.

 

Originalmente, comemorado em 25 de agosto, o dia do soldado tem por objetivo representar o trabalho desenvolvido por profissionais do exército brasileiro e da Polícia Militar.
Cinco Militares foram homenageados durante a “Parada Mensal”, regida pelo comandante Coronel Eduardo Campos de Paulo. Outros profissionais também foram homenageados.

 

O evento contou com a presença de representantes do Tiro de Guerra, autoridades, vereadores e do prefeito de Divinópolis Vladimir Azevedo. Para reforçar e assinalar o compromisso da PM com a sociedade, o vereador Eduardo Print Júnior concedeu a cinco policiais uma “Moção Congratulatória”. Os contemplados foram o Sargento Fonseca, Cabo Edmar, Soldado Quintiliano, Soldado Kilder, e Soldado Felipe.

 

Na referida ocasião, o grupo da Polícia Militar Gepmor (Grupo Especializado em Prevenção Motorizada Ostensiva Rápida) recebeu uma moto Honda Falcon para auxiliar nas atividades desenvolvidas pelos Militares. A moto foi concedida pelo presidente do Sindicato Rural de Divinópolis, Irajá Nogueira.

 

NOVOS MÉTODOS DE COMUNICAÇÃO

A Polícia Militar em parceria com a Prefeitura Municipal estuda um novo projeto entre a comunicação do sistema de atendimento e das viaturas presentes nas ruas. O atual sistema de transmissão é analógico e muita das vezes, falho. Interrupções nas conversas e interferências atrapalham o trabalho. Uma outra questão é a vulnerabilidade causada pelo método de troca de informações. Com o sistema reformulado, as conversas serão criptografadas e devem impedir o fácil acesso às transmissões.

 

De acordo com o Prefeito de Divinópolis, Vladimir Azevedo, as mudanças na estruturação serão positivas, eficientes e mais seguras para os Militares. “Esperamos, contudo, que melhore o alcance de áudio, a comunicação e principalmente a segurança, pois muitas vezes, já vimos noticiado, que bandidos estavam com rádios na mesma frequência da PM”, relatou.

 

Uma outra esfera, a ser abordada e adquirida pela cidade de Divinópolis, será uma unidade móvel da Polícia Militar, que irá atuar em bairros distantes e com altos índices de violência. Câmeras serão instaladas nesses veículos, para ajudar e monitorar atividades. Esse serviço será integrado com o programa “Crack é possível vencer”. Em uma primeira etapa, o programa terá seu viés mais educativo, com palestras e orientações principalmente aos jovens e adolescentes sobre as drogas e suas consequências. A iniciativa já é real em cidades com mais de 200 mil habitantes.

 

EM SETEMBRO, OLHO VIVO

Realidade em muitas cidades do país, o Olho Vivo pretende ampliar os serviços de segurança na cidade de Divinópolis. A empresa vencedora da licitação começa no mês que vem a instalação dos equipamentos. Conforme estudo realizado pela Polícia, pontos estratégicos da cidade e com grande movimentação, onde há queixas de furto, serão atendidos. A princípio, 32 câmeras serão distribuídas entre ruas Goiás, Pernambuco, avenida Getúlio Vargas e 1° de Junho, praças da Catedral e do Santuário, região dos shoppings, assim como o Terminal Rodoviário. Os pontos são esquematizados e auxiliam melhor o trabalho dos Militares. “As regiões foram definidas após vários critérios, envolvendo principalmente as regiões mais movimentadas da cidade. O Olho Vivo é um projeto que deu certo em outros locais e agora será realidade em Divinópolis”, explica o Tenente Coronel da PM Marcelo Carlos da Silva.

 

A empresa terá aproximadamente um prazo de quatro meses para implantar todos os equipamentos na cidade. Cabos, postes, fiação e infra-estrutura serão previamente analisados pelas equipes responsáveis. Uma central também será criada, e de lá, as imagens serão analisadas e caso ocorra algo, será transmitido pelo novo sistema de comunicação digital da polícia, integrando e trazendo maior mobilidade às ações desempenhadas.

 

TRABALHO INTEGRADO É SINÔNIMO DE RESULTADOS

 

Durante a solenidade, outro assunto voltou a ser discutido: A redução do número de crimes violentos contra o patrimônio e redução de homicídios consumados. A queda foi de 34 %, comparado ao mesmo período de 2012. Os números fornecidos foram referentes de janeiro a agosto de 2013. Os crimes contra o patrimônio caíram pela metade. Cerca de 50% das ações criminosas foram banidas, devido às ações realizadas por meio de parceria das policias Militar e Civil. “O trabalho mostra que a polícia está empenhada. Diversas operações estão sendo realizadas para impedir a criminalidade”, acrescenta o Tenente Coronel.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.