sexta-feira, 4 de Abril de 2014 05:27h Atualizado em 4 de Abril de 2014 às 08:21h. Anna Paula Rodrigues

Esquizofrenia teria causado confusão em idoso “abandonado” por cuidadora

Na manhã de quarta-feira (2), a Polícia Militar foi acionada ao Edifício Alvimar Mourão.

Na manhã de quarta-feira (2), a Polícia Militar foi acionada ao Edifício Alvimar Mourão, cruzamento da Avenida Primeiro de Junho com Rua Goiás para atender ao chamado de um idoso que pedia por socorro, alegando que sua cuidadora o havia deixado trancado no apartamento sem comida ou remédios.
O caso foi esclarecido graças a um morador do mesmo edifício, que tinha conhecimento da esquizofrenia do idoso e decidiu relatar à polícia.
Devido à perturbação da qual o idoso sofre desde os 17 anos de idade, é comum que as vezes confunda a realidade com alucinações causadas pela doença. Ele teria passado por uma crise que o deixou descontrolado ao ponto de não se lembrar que havia uma chave reserva dentro do próprio apartamento, além de ter perdido a noção do tempo que estava ali.
A cuidadora acompanha o idoso há mais de cinco anos, e as despesas são custeadas por um familiar que mora no Rio de Janeiro.
Esclarecidos os fatos, a mulher foi liberada após constatada sua inocência.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.