terça-feira, 15 de Janeiro de 2013 05:51h Erik Ullysses

Homem é assassinado com seis tiros no bairro Alto são João de Deus


Após fechar 2012 como o mais violento dos últimos cinco anos, Divinópolis registrou na tarde de sábado o seu primeiro homicídio em 2013. O crime ocorreu na Rua Manganês, no alto São João de Deus. De acordo com a Polícia Militar, uma mulher de 25 anos ouviu barulhos de tiros e ao sair no portão deparou com o seu marido, Shelton Henrique da Silva, de 20 anos, caído no chão.
O homem foi socorrido por uma unidade de resgate e foi levado para o Pronto Socorro Regional, porém não resistiu aos ferimentos e faleceu. Foi constatado que Shelton levou seis tiros, sendo que quatro acertaram a cabeça e os outros dois nas costas. Segundo a Polícia Civil a vítima possuía passagens por tráfico de drogas. Durante o registro da ocorrência a PM recebeu uma denúncia através do 190 informando o nome do possível autor.
A reportagem procurou o delegado de Crimes Contra a Vida, Marcelo Nunes, que não quis falar sobre o caso por ele ainda estar em fase de diligências. Contudo, a Polícia Militar informou que durante a tarde de domingo foi preso um suspeito de ter cometido o assassinato. De acordo com a PM, durante um patrulhamento pela Rua Padre Raul Silva, bairro Danilo Passos II, foi abordado um veículo Gol que era conduzido por Lucas Vinícius Rodrigues Coelho, 20 anos, vulgo “Cerol”, que contou não ser habilitado. Os militares se deslocaram até a residência de Lucas onde encontraram seis buchas de maconha e um aparelho celular. No local foi detido ainda um menor infrator de 16 anos. Lucas foi preso e o menor apreendido em flagrante. A PM informou que Lucas é um dos suspeitos de ter assassinado Shelton.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.