sexta-feira, 9 de Setembro de 2011 10:26h Natalia Santos

Homem é espancado por mulher com colheres de ferro

Um homem foi brutamente espancado na última terça-feira, 06 de setembro. O crime ocorreu em São José da Varginha, a 18 quilometros de Pará de Minas. A autora da agressão foi uma mulher, que diz ter agido em legítima defesa.

 

De acordo com a Polícia Militar da cidade, o espancamento ocorreu por volta das 8h30 da manhã. Os policiais receberam uma denúncia anônima pelo telefone celular do destacamento, de que havia três pessoas brigando na praça da comunidade de Cachoeirinha, na zona rural, e que um dos envolvidos estava bastante ferido.

 

Os militares partiram para o local e já levaram a ambulância da prefeitura para socorrer a vítima. Na comunidade, os PMs se depararam com um desempregado, de 58 anos, com vários ferimentos pelo corpo, inclusive dois cortes na cabeça que provocavam um intenso sangramento. Ele foi imobilizado e levado para o Hospital Nossa Senhora da Conceição, em Pará de Minas, pela ambulância.

 

Os policiais passaram a apurar os fatos e conversaram com uma dona-de-casa, de 52 anos. Segundo a agressora, ela estava em sua casa juntamente com o seu marido, 44 anos, lavrador, quando a vítima chegou e pediu R$50,00 para comprar cachaça. Ao retornar, todos ingeriram grandes quantidades da bebida.

 

Durante a confraternização, houve um desentendimento e o desempregado teria agredido a dona-de-casa com dois socos. Ela confessou que ficou nervosa com a situação, foi até a cozinha e se armou com duas colheres de ferro usadas para fazer feijão. O desempregado foi brutalmente atacado com as colheres e ficou muito ferido.  O casal foi preso em flagrante sob acusação de lesão corporal e levado para a Polícia Civil de Pará de Minas. A própria mulher assumiu a polícia que foi ela mesma que fez as denúncias.
 

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.