terça-feira, 26 de Julho de 2016 13:25h

Homem é morto a tiros no bairro Jardinópolis, em Divinópolis

Bom Despacho, Martinho Campos, Lagoa da Prata e Morada Nova De Minas também registraram crimes contra a vida

No fim de semana, foram registrados homicídios e tentativas de homicídio em Divinópolis e cidades da região. Em Divinópolis, um homem foi morto a tiros em plena luz do dia, neste domingo, no bairro Jardinópolis.

De acordo com a Polícia Militar, testemunhas contaram que dois suspeitos, que estavam em uma caminhonete branca, se aproximaram de Bruno Henrique Teodoro da Silva, de 29 anos, e atiraram várias vezes no meio da Rua Jequitiba, no bairro Jardinópolis, em Divinópolis.

O resgate do Corpo de Bombeiros foi acionado e constatou que a vítima já estava sem vida. A perícia técnica da Polícia Civil foi acionada e constatou cinco perfurações no corpo de Bruno, sendo que três foram na cabeça, uma no peito e uma nas costas.

Após os disparos, os suspeitos fugiram e não foram localizados. A vítima possui diversas passagens criminais.

 

 

 

Bom Despacho

No sábado, uma mulher, de 53 anos, foi morta a golpes de facão pelo marido, de 59 anos, no bairro Esplanada, em Bom Despacho. De acordo com a Polícia Militar, o suspeito foi até a casa de uma vizinha e confessou ter matado a mulher e pediu que ela acionasse os militares.

O homem ficou na casa da vizinha até a chegada dos Policiais e, na casa do casal, os militares encontraram a mulher já morta e o facão do lado do corpo. O suspeito disse aos militares que matou a companheira após ela lhe agredir e, para se defender, utilizou do facão. A mulher já havia registrado Boletins de Ocorrência por ameaça e agressão contra o suspeito, que foi preso e levado para a Delegacia.

 

 

 

Martinho Campos

Também no sábado, um homem, de 42 anos, entrou atirando em uma casa na Rua 49, bairro Lagoa dos Buritis, em Martinho Campos. O alvo era um jovem, de 20 anos, que, ao ver o suspeito, correu e conseguiu pular muros das casas vizinhas, não sendo acertado nenhum tiro.

Dentro da casa, ainda estava uma adolescente, de 15 anos, que disse ao suspeito que iria acionar a Polícia Militar. O homem atirou e acertou a perna da adolescente, fugindo logo em seguida em uma motocicleta. A adolescente foi socorrida e não corre risco de morrer.

O jovem disse aos militares que o suspeito já o havia ameaçado de morte, mas não disse a motivação. O suspeito pode ter fugido para Belo Horizonte, segundo as vítimas, e não foi localizado.

 

 

 

Morada Nova de Minas

Na noite deste domingo, um homem, de 30 anos, foi baleado no povoado de Vau das Flores, na zona rural de Morada Nova de Minas. De acordo com a Polícia Militar, testemunhas acionaram os policiais, informando que suspeitos haviam ateado fogo em um carro. Logo em seguida, ligaram novamente, informando que havia uma pessoa baleada.

A vítima dos disparos de arma de fogo foi socorrida por populares e levada para Paineiras e, logo em seguida, transferida para o Hospital de Sete Lagoas em estado grave. Uma testemunha apontou um homem, de 31 anos, como suspeito de ter cometido o crime.

No povoado, foi contido o fogo e os militares encontraram, além do carro queimado, uma motocicleta também incinerada. Um jovem, de 22 anos, dono da motocicleta, contou que os mesmo suspeitos que atearam fogo no carro pegaram a moto e a jogaram no fogo. Nenhum suspeito foi preso e ainda não se sabe a motivação do crime.

 

 

 

Lagoa da Prata

Também neste domingo, um homem, de 46 anos, foi baleado no bairro Marília, em Lagoa da Prata. Um idoso, de 70 anos, contou aos militares que um suspeito chegou na sua casa procurando por um jovem que é seu vizinho. Ao informar que o jovem morava na casa ao lado, o suspeito foi até o local e o chamou pelo nome.

O pai do jovem atendeu o portão e o suspeito fez um disparo de arma de fogo, fugindo logo em seguida em uma motocicleta. O jovem não foi encontrado pelo suspeito no local. O homem ferido foi socorrido com um ferimento na testa, mas não corre risco de morrer. Nenhum suspeito foi localizado.

 

 

Crédito: Divulgação WhatsApp

© 2009-2016. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.