segunda-feira, 1 de Fevereiro de 2016 11:17h

Identificado homem morto com chutes na cabeça no centro da capital

Após 16 dias foi identificado o morto em Belo Horizonte

A Polícia Civil informa que, por meio de exame de confronto papiloscópico (por digital), foi possível identificar José Januário da Silva, de 57 anos, espancado e morto no centro da capital, na madrugada do dia 15 de janeiro. A vítima, natural de Parnaíba, no Piauí, foi internada após receber vários chutes na cabeça. Ele não resistiu aos ferimentos e morreu no hospital. O crime foi registrado por câmeras de segurança do comércio local.

Os primeiros levantamentos indicam que, possivelmente, José Januário não pertença a nenhuma comunidade indígena. A autoria e motivação do crime ainda estão sendo apurados. Qualquer informação que possa auxiliar as investigações pode ser repassada, anonimamente, pelo Disque Denúncia 181.

© 2009-2016. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.