sábado, 27 de Dezembro de 2014 04:05h Atualizado em 27 de Dezembro de 2014 às 04:48h.

Jogador do Guarani baleado durante assalto se recupera em casa

O lateral-esquerdo do Guarani, Raul Ribeiro, recebeu alta da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) na manhã desta quinta-feira e está em casa após ter sido baleado durante um assalto, em Divinópolis

Raul tem previsão de retorno de 15 a 20 dias. Ele foi atingido no abdômen. Na quarta-feira, ele foi abordado por dois homens que atiraram e levaram o carro do jogador quando saía de casa, no bairro Vale do Sol. Segundo a Polícia Militar, os homens efetuaram dois disparos e um deles atingiu o atleta. Os assaltantes levaram o carro, um Fiat Palio prata, placas HJB 6771.
Raul participou da reapresentação do elenco na última sexta (19), quando os jogadores se reúnem no estádio Farião para dar sequência à preparação para a temporada 2015 do Campeonato Mineiro. O presidente do Guarani, Gilson Morais, e o gerente de futebol, Renato Montak, visitaram Raul na manhã de quarta-feira na Unidade de Pronto Atendimento Padre Roberto, em Divinópolis, onde o atleta recebeu cuidados médicos.
O lateral esquerdo teve a base realizada no Flamengo do Mendes Mourão, disputou o juniores pelo Tupi de Carmo do Cajuru, onde foi um dos destaques e recebe a oportunidade no Bugre divinopolitano. Nos treinamentos, vinha se destacando pela forte marcação, vigor físico e jogou na segunda-feira contra o América, no primeiro teste do elenco para o Campeonato Mineiro 2015. É uma das grandes promessas do futebol da cidade.
Na recuperação ele tem recebido os amigos, a família e o carinho também veio dos atletas e diretoria do time. Ele está ansioso para voltar aos treinos, mesmo porque vivia o melhor momento da carreira e ficar fora dos gramados é mais doloroso que os próprios ferimentos.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.