terça-feira, 9 de Setembro de 2014 06:24h

Jovem baleado passa por cirurgia no HSJD

Um jovem baleado na sexta-feira passou por cirurgia no Hospital São João de Deus e o estado de saúde é estável.

A vítima está lúcida e já foi transferida para o quarto.
As informações são da assessoria de comunicação do Hospital. Maycon Soares Manso, de 25 anos, deu entrada na unidade hospitalar na madrugada de sábado após ser baleado quatro vezes. Dois tiros atingiram o braço e dois a barriga do jovem.
De acordo com a Polícia Militar, Maycon deu entrada na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) com quatro ferimentos causados pelos disparos. Na UPA foi constatado por um médico plantonista uma fratura no braço e alojamento de projétil no abdômen.
Maycon foi levado para o Hospital São João de Deus onde foi internado no Centro de Tratamento Intensivo (CTI) e passou por cirurgia. A operação foi bem sucedida e a vítima já está no quarto. O jovem, que tem passagens por desobediência, lesão corporal, tráfico de drogas e ameaça não informou aos militares o suspeito do crime e qual a motivação.

 

 

 

 

São Gonçalo do Pará
Em São Gonçalo do Pará, uma briga em um bar, neste domingo, deixou duas pessoas feridas. De acordo com testemunhas, Aricrenes Paula de Deus, de 26 anos, estava em um bar, no bairro Bomfim, quando Carlos Roberto Ferreira, de 50 anos, chegou, chamou Aricrenes e desferiu três golpes de punhal atingindo o ombro, tórax e costas.
Aricrenes reagiu, atingiu Carlos com uma garrafada na cabeça e fugiu logo em seguida. Carlos foi socorrido e transferido para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) em Divinópolis.
Aricrenes foi encontrado pelos militares após receberem informações de que dois indivíduos haviam se acidentado na AMG-320. No local os militares encontraram Aricrenes e Luiz Ricardo Fernandes de Carvalho, de 24 anos, que teria ajudado na fuga utilizando uma motocicleta.
Os dois foram socorridos e medicados. Após serem liberados pelo médico, foram presos e a motocicleta apreendida e removida ao pátio.
Toda a confusão teria sido por causa de Marci Almeida Rodrigues, de 33 anos, que foi testemunha de toda a ação.

 

 

 

Cláudio
No domingo Policiais Militares compareceram ao Pronto Atendimento Municipal de Cláudio onde a vítima, de 17 anos, relatou que andava pela Rua Professora Maria Teixeira, no bairro Cachoeirinha, quando uma motocicleta  ocupada por dois indivíduos veio em sua direção. O passageiro sacou uma arma de fogo e efetuou um disparo, atingindo a mão que a vítima utilizou para tentar proteger o rosto.
Segundo o adolescente, ele saiu correndo e caiu em um barranco, continuando a fuga por um pasto, tendo os agressores perseguido-o e ainda efetuado mais cinco disparos, porém sem acertá-lo. Dois indivíduos foram identificados como suspeitos, mas não foram localizados.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.