terça-feira, 19 de Janeiro de 2016 10:22h

Jovem é baleado e crime pode ter sido motivado por homofobia

Neste domingo, um jovem, de 19 anos, foi baleado na porta de casa, em Conceição do Pará

Neste domingo, um jovem, de 19 anos, foi baleado na porta de casa, em Conceição do Pará. Minutos antes do crime, um suspeito chamou a vítima e um amigo de “veados” em uma lanchonete, causando confusão.
De acordo com a Polícia Militar, uma mulher, de 37 anos, mãe da vítima, disse que o filho estava em uma lanchonete na companhia de um amigo, quando uma pessoa os teria chamado de “veados”. Com o insulto, iniciou uma discussão, mas a vítima e o amigo deixaram o local.
Ainda de acordo com a mãe da vítima, assim que o jovem chegou ao portão de casa, na companhia do amigo, um carro vermelho parou e o condutor efetuou vários disparos, acertando o jovem no pé e no abdômen.
O jovem ainda correu e conseguiu se abrigar dentro de casa. Ele foi socorrido por familiares e levado para a Santa Casa de Pitangui em estado grave. Nenhum suspeito foi localizado. A perícia compareceu ao local e realizou os trabalhos, recolhendo cápsulas de pistola e chumbo.

 

 

Nova Serrana
Em Nova Serrana, um homem, de 28 anos, foi morto a tiros no bairro Frei Ambrósio, na madrugada de sábado. De acordo com testemunhas, Leandro Junior de Souza estava em um bar e começou uma discussão com o suspeito, que tem apelido de “Facção”. O suspeito pegou o revólver e atirou contra a vítima, que foi atingida três vezes.
O resgate do Corpo de Bombeiros foi acionado e levou a vítima para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), com ferimentos na axila e peito. A vítima não resistiu aos ferimentos e morreu ao dar entrada na unidade de saúde.
O suspeito, que possui passagens por tráfico de drogas e associação para o tráfico, não foi localizado. A vítima também possuía passagens por tráfico.

 

 

Tentativa de homicídio
Também na madrugada de sábado, uma jovem, de 21 anos, foi baleada em Nova Serrana. De acordo com testemunhas, ela caminhava pela Rua Embaré, no bairro São Geraldo, quando foi surpreendida por um casal que estava em uma motocicleta.
A mulher, que estava na garupa, sacou uma arma de fogo e atirou diversas vezes contra a jovem, que foi atingida por três disparos. Ela foi socorrida por populares e levada até a UPA em estado grave.
A vítima possui passagens criminais por tráfico de drogas, associação para o tráfico e corrupção de menores. Nenhum suspeito foi localizado.

 

Créditos: Divulgação/PM

© 2009-2016. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.