quinta-feira, 22 de Setembro de 2016 14:30h Pedro Gianelli

Jovem é morto a tiro enquanto trabalhava em Perdigão

Foi enterrado na tarde de ontem um jovem, de 20 anos, que morreu após ser baleado enquanto trabalhava em uma fábrica de calçados no bairro Nossa Senhora da Saúde, em Perdigão

Uma funcionária foi baleada na perna. A motivação do crime ainda é desconhecida.

De acordo com testemunhas, a vítima estava trabalhando, quando foi chamada pelo suspeito na porta da empresa. Ao sair para atender, a vítima teria percebido que o suspeito estava armado e tentou correr, mas o criminoso atirou, acertando as costas do jovem, que morreu no local.

O suspeito ainda fez mais um disparo, que acertou a perna de uma funcionária da empresa, que foi socorrida e levada para o Pronto Atendimento da cidade e não corre o risco de morrer. O suspeito, já identificado, fugiu logo em seguida.

De acordo com a Polícia Militar, a vítima possui passagem criminal por tráfico de drogas, mas os familiares e amigos do jovem acreditam que o crime possa ser passional. A vítima teria se relacionado com uma mulher e o suspeito do crime é o ex-namorado dela.

A reportagem entrou em contato com a Polícia Militar para saber se o suspeito havia sido localizado, mas, até o fechamento desta edição, não obtivemos resposta.

 

FORMIGA

Um homem, de 44 anos, foi esfaqueado dentro de casa, na Avenida Estefania Rodarte Moreira, no bairro Areias Brancas, em Formiga. De acordo com a Polícia Militar, um homem, armado com uma faca, invadiu a casa da vítima e desferiu vários golpes contra a vítima, fugindo em seguida.

Uma unidade de resgate do Corpo de Bombeiros foi acionada e levou a vítima para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), mas a mesma não resistiu aos ferimentos. O suspeito, de 30 anos, foi localizado e confessou que matou a vítima após um desentendimento. Ele foi preso e levado para a Delegacia.

© 2009-2016. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.