quarta-feira, 2 de Dezembro de 2015 09:38h Atualizado em 2 de Dezembro de 2015 às 09:39h.

Jovem é preso ao voltar ao local do crime e ameaçar testemunhas

Nesta segunda-feira, a Polícia Militar prendeu, de novo, um jovem, de 25 anos, que foi até uma loja de celulares, que ele havia assaltado este mês, para ameaçar as testemunhas que o reconheceram

Leandro de Oliveira Gomides, conhecido como “coleguinha”, é suspeito de assaltar uma loja de celulares no Centro de Divinópolis, no dia 17 deste mês. Dois dias depois, o criminoso foi preso e reconhecido pelas vítimas como o autor do assalto.
Posto em liberdade, o suspeito voltou à loja e ameaçou as vítimas, que acionaram a Polícia Militar, que o prendeu novamente. Leandro foi levado para a Delegacia. A reportagem ligou no Departamento para saber se o bandido havia sido levado para o presídio Floramar, mas as ligações não foram atendidas.

 

O crime
Na manhã do dia 17 deste mês, as câmeras de vigilância do estabelecimento mostraram quando Leandro entrou na loja, de capacete. Ele estava com uma mochila e retira uma arma de dentro dela e anuncia o assalto.
O criminoso colocou 50 aparelhos de celular na mochila e fugiu em uma motocicleta. Dois dias depois, a Polícia Militar o prendeu, juntamente com o irmão, que estavam com uma chave mixa, utilizada para abrir veículos. As vítimas reconheceram o suspeito, mas, mesmo assim, ele não ficou preso.

 

Créditos: Divulgação PM

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.