terça-feira, 12 de Abril de 2016 11:00h

Jovem morre e adolescente fica ferido após serem baleados em festa

Na madrugada de domingo, uma jovem, de 18 anos, morreu após ser baleada em uma festa que era realizada na zona rural de Itaúna

Um adolescente, de 17 anos, também foi atingido pelos disparos e não corre risco de morrer. O suspeito do crime já foi identificado.
De acordo com a Polícia Militar, Natalia Rodrigues Ricardo, de 18 anos, e o namorado dela, de 17 anos, estavam na festa, em um sítio localizado na Barragem de Benfica. O adolescente contou aos militares que um homem chegou ao local e atirou contra eles.
Natalia foi atingida na cabeça e morreu no local. O adolescente foi socorrido e levado para o Hospital de Itaúna, onde contou para os militares quem foi o atirador, identificado como um jovem, de 19 anos.
O suspeito, até o fechamento desta edição, não havia sido localizado. A motivação do crime não foi divulgada e as vítimas não possuem passagens criminais.

 

 

Bambuí
Dois irmãos, de 29 e 36 anos, foram presos após ameaçar um homem, que não teve a idade revelada. A dupla chegou a atirar contra a vítima, mas a arma “mascou”.
De acordo com a Polícia Militar, os irmãos, armados, teriam ameaçado a vítima e fugiram. Os militares fizeram rastreamento e não localizaram os suspeitos, que, posteriormente, voltaram e atiraram contra a vítima. Após três disparos, que não acertaram a vítima, a arma “mascou” e os populares tentaram segurar e agredir os suspeitos, que fugiram e entraram em um matagal.
Os militares foram atrás dos suspeitos e conseguiu encontrá-los. Com o irmão mais novo, os militares encontraram um revólver calibre 32 e dinheiro. Os dois foram presos e levados para a Delegacia. A outra arma não foi localizada.

 

 

 

Lagoa da Prata
De acordo com a Polícia Militar, a vítima, de 17 anos, contou que, na noite de domingo, estava na garupa de uma motocicleta pilotada por um jovem, de 23 anos, quando levou um tiro na perna por uma pessoa não identificada.
O adolescente foi levado para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e não corre risco de morrer. Os militares receberam informações que o condutor da motocicleta teria efetuado diversos disparos de arma de fogo no bairro Marília e região. O jovem não foi localizado.
Também em Lagoa da Prata, uma briga entre marido e mulher quase acabou em tragédia na tarde de sábado. De acordo com a Polícia Militar, a mulher, de 34 anos, contou que, após uma briga, o marido, de 33 anos, colocou uma arma de fogo no pescoço dela.
O suspeito só não atirou porque uma testemunha, de 27 anos, interferiu e também foi ameaçada de morte. O homem fugiu e foi localizado pelos militares após rastreamento. Com ele, os policiais encontraram duas pedras de crack e R$90 em dinheiro.
A arma do suspeito, que foi preso e levado para a Delegacia, segundo informações dos militares, foi escondida por um jovem, de 21 anos. Na casa dele, a mãe entregou o revólver calibre 22 e o jovem não foi localizado.

 

 

 

Bom Despacho
Em Bom Despacho, um idoso, de 65 anos, e um jovem, de 22 anos, foram presos suspeitos de tentativa de homicídio. De acordo com a Polícia Militar, a vítima, de 18 anos, foi até a Rua Sete Lagoas para cobrar uma dívida de drogas do jovem.
O idoso, durante a “negociação”, esfaqueou a vítima, que foi socorrida e encaminhada para o Pronto Atendimento Municipal (PAM) e não corre risco de morrer. O idoso e o jovem foram localizados e levados para a Delegacia.

 

 


Créditos: Divulgação PM

© 2009-2016. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.