sexta-feira, 12 de Setembro de 2014 05:48h Aaron Oliveira

Jovem que se envolveu em briga em “batidão” morre após 13 dias internado

A vítima foi atingida por seis disparos

Gerald José de Oliveira, de 19 anos, frequentava um “batidão” no bairro Cacôco, na madrugada do sábado, 30 de agosto passado, onde se envolveu em uma briga e foi atingido por seis tiros de um revólver. Ele foi internado em estado grave no Centro de Tratamento Intensivo (CTI) do Hospital São João de Deus, porém não resistiu aos ferimentos e morreu ontem à tarde.
Segundo a Polícia Militar (PM), uma denúncia descreve que a briga durante a festa teria provocado alguns disparos de uma arma de fogo. Quando os policiais chegaram ao local, encontraram o portão de entrada encostado e, logo após uma varredura, os militares se depararam com uma poça grande de sangue.
Os policiais foram informados de que Gerald teria dado entrada na Unidade de Pronto Atendimento (UPA), e que o médico que o atendeu identificou ferimentos de seis disparos de arma de fogo, sendo na região do tórax, pescoço e cabeça. Os suspeitos dos tiros são moradores do bairro Quintino, segundo informações repassadas pela PM, porém até hoje não foram localizados.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.