quinta-feira, 1 de Março de 2012 08:45h Atualizado em 1 de Março de 2012 às 09:47h. Paulo Reis

Latrocínio de caminhoneiro é esclarecido em Lagoa da Prata

Polícia Civil concluiu o caso em 25 dias

O latrocínio foi registrado no último dia 04 de fevereiro deste ano quando o corpo de Anderson Pimentel Nunes, de 32 anos, natural da cidade de Patos de Minas foi encontrado na zona rural de Lagoa da Prata, no rio Jacaré, com cerca de 16 perfurações, características de golpes de faca.
Segundo informações levantadas no dia da ocorrência do crime, os investigadores refizeram o itinerário da vítima, desta forma conseguindo pistas valiosas sobre a autoria do crime.
Durante as investigações, ficou constatado que os adolescentes U.B.S., M.R.M.P. ambos de 17 anos, naturais de Lagoa da Prata e S.A.S. de 16 anos, da cidade de Arcos resolveram roubar os pertences e o veículo da vítima, para isto provocando sua morte.
Os adolescentes identificados já são conhecidos pela prática de crimes violentos e por envolvimento com o tráfico de drogas. Dois dos adolescentes infratores estão acautelados nos presídios de Lagoa da Prata e Arcos.
O procedimento de investigação será encaminhado à justiça da Infância e da Juventude de Lagoa da Prata para as providências cabíveis. Os adolescentes poderão permanecer até três anos sob regime de internação à disposição da justiça.
A Polícia Civil de Lagoa da Prata contou com o apoio de policiais da 22ª  Delegacia de Polícia de Arcos, na ação investigativa e operacional.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.