quarta-feira, 21 de Outubro de 2015 10:00h

Mais de 600 mil maços de cigarros suspeitos de terem sido fabricados no Paraguai são apreendidos em Samonte

A Polícia Federal (PF) apreendeu mais de 600 mil maços de cigarros suspeitos de terem sido fabricados no Paraguai, nessa segunda-feira (19) em Santo Antonio do Monte

Segundo a Polícia Militar de Meio Ambiente, a mercadoria foi encontrada em uma fazenda, na zona rural da cidade, quando policiais militares foram até o local para apurar uma denúncia de uso irregular da terra. Ao chegarem à fazenda, os militares suspeitaram da atitude do caseiro. Foi feita uma busca na residência, e os policiais encontraram além dos cigarros, pássaros da fauna silvestre também sem documentação. Foram apreendidos 25 pássaros, entre eles trinca ferro e pássaros pretos.
Ainda de acordo com a Polícia de Meio Ambiente, o caseiro disse que a mercadoria havia sido deixada por dois indivíduos. O suspeito forneceu aos policiais o nome e o telefone dos supostos donos dos cigarros. O caseiro, de 59 anos, e um homem, de 50 anos, que seria o dono da carga, foram presos em flagrante. Os cigarros foram apreendidos pela Polícia Federal e levados para a Receita Federal em Belo Horizonte.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.