sexta-feira, 24 de Fevereiro de 2012 19:01h Atualizado em 25 de Fevereiro de 2012 às 08:36h. Paulo Reis

Militares apreendem droga com ajuda de cão farejador

Mulher foi presa com 14 pedras de crack

Um jovem de 18 anos foi encontrado em atitudes suspeitas na manhã da última quinta-feira (23), por volta das 11h45 na rua Vereador Elizeu Zica, bairro São José próximo a linha férrea.
Durante batida os policiais encontraram com J.D.S. cerca de 90 gramas de maconha. Com a suspeita de que haveria mais droga nas imediações, os militares acionaram a equipe do canil que com a ajuda do cão Max localizou outras duas buchas de maconha, totalizando aproximadamente 200 gramas da mesma substancia, além de duas balanças de precisão ainda com resquícios de crack.
Diante dos fatos o autor recebeu voz de prisão.
Já por volta das 23h25, com a colaboração de denúncias os Militares prenderam uma mulher na rua João Esteves, bairro Padre Libério, promovendo o tráfico de drogas.
De posse das informações os policiais se dirigiram para o local e abordou L.A.D, na qual foi realizada buscas e localizada 14 pedras de crack e R$ 85,00 em dinheiro.
A suspeita foi autuada em flagrante.

ITAÚNA

Ainda na última quinta-feira (23) na cidade de Itaúna por meio também de denúncias anônimas a Polícia Militar prendeu um homem de 43 anos e apreendeu um menor de 15.
Segundo denunciante na rua Cândido Bernardes, bairro Morada Nova estaria ocorrendo o uso de droga. De posse dessas informações a PM esteve no local e abordou J.M.M.S. e o adolescente “C”.
Durante buscas pessoais foram localizadas dentro da cueca do suspeito J.M.M.S oito papelotes de cocaína, R$ 50,00 em dinheiro e dois celulares. Com o adolescente foi achado R$100,00 em dinheiro, estando uma das cédulas enroladas e com resquícios de cocaína. 
Diante do exposto os suspeitos foram conduzidos a Delegacia Civil de Itaúna onde foram ouvidos e autuados.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.