terça-feira, 20 de Janeiro de 2015 09:55h Atualizado em 20 de Janeiro de 2015 às 10:00h. Carina Lelles

Motorista passa mal, bate carro em caminhão parado e duas pessoas morrem

Em outro acidente ocorrido na cidade, uma pessoa morreu e outra ficou gravemente ferida

Três pessoas morreram e duas ficaram feridas em dois acidentes graves registrados em menos de 24 horas em Cláudio. Na manhã de ontem um motorista bateu o carro contra um caminhão parado e duas pessoas morreram. No domingo, um capotamento deixou um jovem morto e outro gravemente ferido.
Duas pessoas morreram em acidente na manhã de ontem em Cláudio. De acordo com informações da Polícia Militar, Belchior Amaral Corrêa, de 67 anos, dirigia um Fiat Uno quando passou mal e bateu em um caminhão que estava parado em um posto de combustíveis na Avenida Inácio Ferreira do Sacramento, bairro Cachoeirinha.
Com o impacto, ele e a passageira, Raquel Gonçalves dos Santos, de 46 anos, ficaram gravemente feridos, foram socorridos, mas morreram ao dar entrada na Santa Casa de Cláudio. Uma terceira pessoa que estava no carro, que não foi identificada, também foi socorrida no hospital em estado grave.

 

Capotamento
Na manhã de domingo, um capotamento deixou um jovem morto e outro ferido na MG-260, em Cláudio. De acordo com a Polícia Militar, o Fiat Uno capotou após o motorista perder o controle da direção em uma curva acentuada.
Um jovem, identificado por amigos como Juninho Gadernal, de 24 anos, não resistiu aos ferimentos e morreu no local. O outro ocupante do carro, Leonardo Cícero Silva Souza, de 25 anos, foi socorrido e levado em uma ambulância para a Santa Casa de Cláudio.
De lá, ele foi transferido para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Divinópolis e, posteriormente, para o Hospital São João de Deus. De acordo com a assessoria de comunicação do Hospital, o estado de saúde dele é greve e ele respira com a ajuda de aparelhos.

 


Crédito: Tribuna Web

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.