quinta-feira, 24 de Março de 2016 10:53h

Mulher é morta a facadas na frente do filho em Pará de Minas

O amásio é suspeito do crime e está foragido. Ela chegou a pedir socorro aos vizinhos, mas, mesmo com a intervenção deles, foi morta

A Polícia Militar de Pará de Minas está à procura de um homem, de 32 anos, que estava cumprindo prisão domiciliar, suspeito de matar a companheira, de 42 anos, com golpes de faca. O crime foi cometido na frente do filho da vítima, de 12 anos.
De acordo com testemunhas, Rita de Cássia Evangelista da Silva chegava em casa, na Rua Vereador Ênio Talma Ferreira de Rezende, no bairro Prefeito Walter Martins, com o filho de 12 anos, quando pediu ajuda a vizinhos, porque temia que o suspeito a agredisse.

 


Um vizinho, de 50 anos, chegou a entrar em luta corporal com o suspeito, que estava armado com uma faca. Logo em seguida, entrou em casa para tentar se proteger. O homem correu e conseguiu alcançar a vítima e desferiu cerca de sete golpes de faca, na frente do filho dela, que estava próximo ao local do crime.

 

 


Outros vizinhos, que escutaram os gritos, saíram na rua e encontraram a vítima já ferida. Eles acionaram a Polícia Militar e o resgate do Corpo de Bombeiros, que socorreu Rita até o Hospital Nossa Senhora da Conceição. Atendida pelos médicos, foi constatado que Rita deu entrada à unidade de saúde já sem vida.
O suspeito, que estava em regime de prisão domiciliar desde outubro de 2015, tinha passagens por furto, roubo, receptação, lesão corporal e disparo de arma de fogo. Ele fugiu logo após o crime e não foi localizado.

© 2009-2016. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.