quarta-feira, 29 de Julho de 2015 10:34h

Mulher sofre fratura ao ser atacada por dois cães

Um policial militar que estava de folga socorreu a mulher e teve que sacrificar os animais para que eles soltassem a vítima

Um cabo da Polícia Militar (PM), que estava de folga, salvou uma mulher que estava sendo atacada por dois cães no povoado de Matias, em Cláudio. O policial, que trabalha em Contagem, informou que estava no sítio da família, quando ouviu latidos de cães e o pedido de socorro de uma mulher, vindo de outro sítio bem próximo.
De acordo com o policial militar, ele resolveu ir até lá para averiguar e encontrou uma mulher sendo atacada por dois rottweilers. Um dos cachorros, ao perceber a presença do policial, deixou a mulher e atacou o policial e o outro animal continuou atacando a mulher.
Para se defender, o policial efetuou um disparo com sua arma de fogo contra o animal. Logo em seguida, o outro cachorro deixou a mulher e tentou atacá-lo também, que atirou contra o outro cão.
A vítima, de 31 anos, sofreu várias lesões nos braços, pernas e tronco. Foi socorrida pelo próprio policial e conduzida para a o Pronto Atendimento da Santa Casa com suspeita de fratura em um dos braços.
Familiares da vítima estiveram no hospital e agradeceram a intervenção do policial, que salvou a vida da mulher. O marido dela informou que os dois cães eram da família e tinham dois anos de idade. Ele estava no sítio no momento do ataque, porém não pôde ajudar a esposa, devido à agressividade dos animais.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.