sexta-feira, 4 de Outubro de 2013 04:50h Luiz Felipe Enes

Número de homicídios cai e crimes contra o patrimônio apresentam crescimento

Chamada: Crimes violentos contra o patrimônio crescem quase 15 % em Divinópolis. Os homicídios apresentaram redução, comparado ao mesmo período de 2012. Um maior quadro efetivo de Militares já está presente nas ruas.

Os crimes violentos contra a vida e contra o patrimônio apresentaram reduções nos nove primeiros meses de 2013, em comparação ao mesmo período referente ao ano de 2012. Os dados foram divulgados pela Secretaria Estadual de Defesa Social.

Crimes violentos, como sequestros, cárceres privados, roubos consumados, extorsão mediante sequestro, homicídios tentados e consumados e estupros consumados e tentados, e os crimes contra o patrimônio (roubos e extorsões mediante sequestro) apresentaram aumento de 14,7 % no mês de setembro, comparado ao mês de agosto, em Divinópolis.

Os homicídios em todo o Estado de Minas Gerais, relativamente apresentaram aumento de 1,33 %. Foram 2.867 homicídios entre janeiro e setembro de 2012. Atualmente, esse número chega a 2.905. Em Divinópolis, nesses nove meses, 20 homicídios foram registrados. Os dados representam uma diminuição significativa. Até setembro do ano passado, 31 assassinatos haviam sido registrados na cidade. 

MAIOR EFETIVO POLICIAL NAS RUAS

A sétima região de Polícia Militar recebeu na última quarta-feira (02), em Divinópolis, 54 Militares, que se formaram na Academia de Polícia. Eles devem atuar em algumas cidades da região.

Os novos membros da corporação foram recebidos no 23° batalhão, pelo Comandante da região, Coronel Eduardo Campos. Os novos profissionais vão colaborar no desempenho das ações já desenvolvidas pela PM, principalmente em operações para coibir a violência em toda a região abrangente.

O critério pré-estabelecido, utilizado para designar cada policial, levou em conta as demandas operacionais, índices criminais e também, as diretrizes do comando regional. Levando-se em conta a lógica, ficou definido que cinco sargentos devem atender a sétima região da PM, nove no sétimo batalhão, em Bom Despacho, 13 policiais no 23° batalhão em Divinópolis. Os demais foram distribuídos entre algumas Companhias que integram a região.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.