sexta-feira, 8 de Fevereiro de 2013 04:04h Erik Ullysses

Operação Carnaval da Polícia Militar Rodoviária começa hoje

Durante os seis dias de operação a fiscalização das rodovias que cortam Divinópolis

A Polícia Militar inicia hoje a Operação Carnaval, com o objetivo de fiscalizar as rodovias estaduais que cortam a região, buscando reprimir infrações no trânsito, além de evitar acidentes automobilísticos. A operação terá início a partir das 12 horas e se estenderá até as 12 horas do dia 12, quarta-feira de Cinzas.
O comandante do 3° Pelotão de Polícia Militar Rodoviária de Divinópolis, tenente Geraldo Alves, contou que o policiamento nas rodovias da região será intensificado, contando com o apoio de policiais militares da 7ª Companhia Independente de Meio Ambiente e Trânsito, com sede em Bom Despacho. “A gente vai intensificar as operações em trechos estratégicos da rodovia, visando coibir as infrações de alguns condutores que insistem em infringir a lei de trânsito. Contaremos com o apoio da administração da 7ª Companhia de Meio Ambiente e Trânsito, sediada em Bom Despacho, que irão reforçar o nosso policiamento na região” afirmou.
A 7ª Cia PM Ind MAT tem sob sua jurisdição 50 municípios e engloba mais de 700 quilômetros de rodovias. O comandante ressaltou que será empregado todo o efetivo da companhia, bem como toda a logística com o intuito de garantir tranquilidade e comodidade para os usuários das rodovias estaduais. Regiões como a de Furnas terão um policiamento reforçado, devido ao grande número de veículos que irão circular durante o Carnaval.
O tenente Alves destacou ainda que devido ao fato da Lei Seca estar mais rigorosa é importante que os condutores estejam conscientes das punições que podem levar e principalmente dos riscos de acidentes que eles e outras pessoas estarão. “Normalmente nessa época, principalmente em período de Carnaval, alguns condutores costumam fazer uso de bebida alcoólica. Então a gente já até orienta esses condutores que não cometam esse tipo de atitude, tendo em vista que a lei está mais severa. Principalmente a Lei Seca, que está mais rigorosa com relação a essa infração de transito envolvendo condutores com sintomas de embriagues ao volante” esclareceu. Ele afirmou que ao longo das rodovias vários trechos contarão com radares e etilômetros, além da intensificação de operações de controle de velocidade e blitze da Lei Seca.
Questionado sobre os trechos de maior perigo nas estradas da região o comandante Alves ressaltou que as atenções dos condutores devem ser redobradas nas curvas mais acentuadas e em trevos. “É importante que o condutor ao transitar em trevos ele mantenha uma atenção maior. Porque em trevos tem a fusão do transito rodoviário com o trânsito local, onde costuma ter algum tipo de acidente. E também ao se aproximar de curvas mais acentuadas é importante que o condutor respeite a sinalização para o local, a fim de evitar também algum tipo de acidente” garantiu.
A expectativa é que as rodovias da região recebam um fluxo de veículo 20% maior do que em dias normais. Devido a esse aumento, nos horários de maior circulação de veículos, caminhões maiores de 19,80 metros, como bitrens, estarão proibidos de circular. Essa restrição estará em vigor nesta sexta-feira, de 16 até as 24 horas e no sábado das 06 até as 12 horas. No retorno do carnaval a restrição vai valer das 16 às 24 horas de terça-feira e de 06 até as 12 horas da quarta-feira de Cinzas.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.