quinta-feira, 28 de Janeiro de 2016 12:54h Site Oficial Polícia Civil de Minas Gerais

Operação Urânio prende 25 pessoas por tráfico de drogas em Varginha

A Polícia Civil de Minas Gerais realizou, na manhã desta quinta-feira (28), em Varginha, a Operação Urânio

O objetivo foi o combate ao tráfico de drogas e a associações criminosas voltadas para o crime nas cidades de Varginha, Três Corações e Lavras. Foram cumpridos 25 mandados de prisão e 18 mandados de busca e apreensão. Também foram apreendidos celulares, balanças de precisão e diversos pen-drives.

Dos 25 investigados, 10 já estavam no sistema prisional e outros 15 foram presos durante a ação. Conforme apurado, o grupo criminoso que foi desarticulado se associava a grupos de outros estados para o comércio de drogas. Continuam foragidos Fernando Alves, Jaqueline Bispo de Lima, Michele de Carvalho e João Marcos Nogueira Pinto.

O delegado responsável pelas investigações, Josias Moreira Giffoni, ressalta o grau de organização do grupo. “Eles realizavam teleconferências onde eram tratados diversos assuntos, desde a contabilidade da organização criminosa até a realização de uma espécie de ‘tribunal do crime’, quando são julgados os comportamentos dos membros da facção criminosa”, explicou.

Por meio de interceptações telefônicas, a polícia descobriu um esquema de filiação dos suspeitos, ainda no sistema penitenciário, que se prolonga quando estão em liberdade, ocasião em que, decorrido o prazo de três meses de carência, cada membro é obrigado a contribuir com uma mensalidade no valor aproximado de R$400, denominada “cebola”, além de exercer outras missões, dentre elas a venda de rifas, conhecidas como “RF”, no valor que varia entre R$30 e R$50.

A ação policial contou com a participação de 52 policiais civis, que tiveram apoio do Núcleo de Operações Aéreas (NOA).

© 2009-2016. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.