quarta-feira, 10 de Agosto de 2016 14:11h Carina Lelles

PM apreende quase R$60 mil no “Jogo do Bicho”

Quatro pessoas foram presas e quase R$60 mil em dinheiro, além de material, foram apreendidos no Centro de Arcos.

POR CARINA LELLES

carina.lelles@gazetaoeste.com.br

 

Os três homens e uma mulher são suspeitos de praticar o “Jogo do Bicho”, que é proibido por lei.

De acordo com a Polícia Militar, toda a ação começou quando os militares monitoravam um homem, suspeito de entregar drogas em um bar no Centro da cidade. No bar, os militares abordaram diversas pessoas.

Com um idoso, de 70 anos, os militares encontraram uma bolsa contendo diversos comprovantes e blocos de “jogo do bicho”, além de uma máquina eletrônica de cartões. O suspeito confessou que praticava a infração penal, alegando que o responsável pelo recolhimento do dinheiro já havia passado.

Outro idoso, também de 70 anos e que também foi abordado, portava mais comprovantes e blocos, além de máquina eletrônica e R$309 em dinheiro. Em seguida, com o apoio do monitoramento realizado através das câmeras do Olho Vivo, os militares abordaram o suspeito de recolher o dinheiro nos pontos usados para a prática de jogo de azar.

O suspeito, de 34 anos, estava na casa de uma mulher, de 54 anos, que confessou participar da realização do “jogo do bicho” na cidade. No local, foram encontrados R$813 em dinheiro, outra máquina eletrônica e mais comprovantes.

Com o “recolhedor” da quantia arrecadada com a contravenção penal, estavam R$2.204,25 em dinheiro e cheques. Ele indicou onde seria o funcionamento da banca do jogo e, em um apartamento nas proximidades da rodoviária, os militares encontraram, no escritório, mais de R$10 mil em dinheiro, outros comprovantes impressos de “jogo do bicho”, máquinas eletrônicas e um cofre, que foi aberto por um chaveiro especializado.

No total, foram apreendidos quase R$60 mil em cédulas, moedas e cheques, além de calculadora, máquinas eletrônicas e comprovantes do ilícito penal. As quatro pessoas presas foram conduzidas à Delegacia, bem como o dinheiro e demais objetos apreendidos.

© 2009-2016. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.