segunda-feira, 11 de Março de 2013 07:22h Erik Ullysses

PM prende suspeitos de receptação no bairro Davanuze

Policiais militares encontraram um portão que havia sido roubado em uma construção, além de outros materiais. Também foi apreendido uma porção de maconha no local

Na manhã de ontem (08) a Polícia Militar recuperou no bairro Davanuze um portão que havia sido roubado em uma construção no bairro Padre Eustáquio. Roubos em construções ocorrem com relativa frequência na região, mas neste caso os autores do roubo foram presos e a vítima conseguiu o seu portão de volta.
O cabo Sander Santos da Silveira contou que a PM chegou até o portão após a vítima relatar que recebeu informações sobre a localização do material subtraído. A PM se deslocou até o número 370 da rua Padre Eustáquio onde além do portão, também encontraram uma porção de maconha. “Nós fomos procurados na Companhia do bairro Interlagos, pela vítima. Ele teve a informação de que o portão que havia sido furtado em data anterior se encontrava em uma obra, que é um terreno invadido e que lá no local se encontravam alguns meliantes. Nós deslocamos ao local, onde abordamos quatro pessoas. Foi encontrado o portão reclamado pela vítima e uma certa porção de maconha” informou.
Além do portão recuperado e da droga apreendida, os militares também apreenderam um aparelho de som e materiais de construção que não tiveram origem comprovada. Entre as pessoas abordadas estava um menor de idade que assumiu o porte do entorpecente. Todos possuíam passagens pela polícia por crimes contra o patrimônio, porte de drogas, entre outros. Eles foram levados para a Delegacia da Polícia Civil para prestarem esclarecimento.
De acordo com a vítima, o portão havia sido assentado em sua obra na terça-feira (05). Quando foi na quarta-feira (06) o portão foi roubado. O homem disse que os crimes em obras de construção naquela região são comuns. O cabo Sander Santos Silveira confirmou que a PM atende muitas ocorrências naquela parte da cidade envolvendo furtos de materiais de construção. Ele orienta que as pessoas devem denunciar pelos números 190 ou 181 se souberem de algo relacionado aos furtos.
O cabo afirmou que a melhor maneira de proteger os materiais de uma obra é não deixar obejtos de valor no local. “A principal dica é evitar deixar material de valor nos locais antes da conclusão da obra. Principalmente material elétrico, hidráulico, enfim material que seja fácil de carregar e de vender. Porque geralmente estes materiais viram moeda de troca por drogas” concluiu.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.