sexta-feira, 16 de Novembro de 2012 05:54h Gazeta do Oeste

PM registra 7 mortes na madrugada desta sexta-feira na Grande SP

 A Polícia Militar registrou pelo menos sete mortes entre a noite desta quinta (15) e a madrugada desta sexta-feira (16) na Grande São Paulo. Entre as vítimas está uma criança de 1 ano. Ainda nesta noite, seis pessoas ficaram feridas Os casos ocorreram nas zonas Oeste, Leste e Sul da capital e em São Bernardo do Campo, no ABC.

Em São Bernardo, mãe e filho foram atingidos por tiros disparados de um carro na Estrada Galvão Bueno, pouco depois das 22h, segundo a Polícia Militar. O menino de 1 ano morreu em consequência de um ferimento no pescoço, de acordo com o Instituto Médico-Legal (IML). Até o início da madrugada, a mãe permanecia internada na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro Demarchi.

 Em Guarulhos, na região metropolitana, dois homens foram baleados por volta de 20h20 por dois rapazes em uma moto na Rua Maria Espíndola, no bairro Santa Lídia. Um dos homens foi atingido pelo menos cinco vezes e morreu durante atendimento médico, segundo a PM. A outra vítima foi baleada na cabeça e estava em estado grave no Hospital Geral de Guarulhos na manhã desta sexta-feira.

Na Zona Leste de São Paulo, um vigia morreu após ser baleado na cabeça, em Guaianases. O crime ocorreu na Rua Copenhague, segundo a Polícia Civil. Como nada foi levado da vítima, o caso tem características de execução e será encaminhado ao Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Ainda na Zona Leste, criminosos incendiaram um ônibus na Avenida Águia de Haia, por volta das 3h desta sexta. De acordo com o Bom Dia São Paulo, os criminosos mandaram os ocupantes do ônibus descerem e atearam fogo ao veículo.

No Jardim Tietê, também na Zona Leste, um homem foi encontrado morto a tiros na Avenida Riacho dos Machados, na noite desta quinta-feira. O caso foi registrado no 69º Distrito Policial, de Teotônio Vilella, e será investigado pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

 No Tatuapé, também na Zona Leste, um homem foi internado por volta de 20h40 no Hospital Municipal da região, com ferimento à bala na cabeça. Na mesma região, um policial civil reagiu a um assalto e baleou um homem na Rua Santo Elias, Parque São Jorge, no início da noite. Não há informações sobre o quadro de saúde do suspeito, que foi internado no Pronto-Socorro do Tatuapé.

No Campo Limpo, na Zona Sul da capital, um homem morreu ao trocar tiros com policiais militares na Rua Dr. Abelardo da Cunha Lobo, segundo a Polícia Civil. Não havia informações sobre a razão do confronto, que ocorreu por volta de 22h.

Em Pirituba, duas pessoas foram baleadas em um salão de beleza na Avenida Santa Mônica, e levadas a um pronto-socorro da região. O dono do salão morreu. Não havia informações sobre as circunstâncias do crime e sobre o estado de saúde da outra vítima. Ninguém foi preso.

Na Zona Oeste de São Paulo, um homem foi executado a tiros no Rio Pequeno, segundo informações do Bom Dia São Paulo.

A Polícia Militar prendeu dois homens que estavam em uma casa no Jardim São José, na Zona Sul. Na residência, os policiais encontraram mais de 50 munições – uma delas de fuzil – , dois carros roubados, um colete à prova de balas e rádios comunicadores também foram apreendidos.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.