quinta-feira, 22 de Maio de 2014 07:14h Aaron Oliveira

Polícia Civil faz paralisação em Divinópolis

Mesmo paralisada, PC manteve atendimentos e orientação à população.

Ontem a Polícia Civil de Divinópolis fez uma paralisação em reivindicação pela aprovação de Projetos de Emenda Constitucionais (PECs), visando a melhoria da polícia no Brasil inteiro.
A inspetora e diretora regional do Sindicato dos Servidores da Polícia do Estado de Minas Gerais (Sindpol-MG), Patrícia Solto, explica que os policiais aderiram “à paralisação em deliberação por voto da maioria” e que somente 30% do efetivo trabalhou. Apesar disso, garantiu que todos os setores ficaram abertos para orientar a população, dar explicações e para que os serviços não fossem prejudicados.
A ação tem como propósito estabelecer pressão pela votação das PECs e contou com adesão de 14 estados. A Polícia Civil espera ver o efeito das paralisações surtir nacionalmente, de forma a terem atendidas reivindicações relativas também a questões salariais e estruturais.
Patrícia destaca que cada estado tem uma estrutura de gestão e disse que isso prejudica o equilíbrio entre as diferentes corporações. Segundo ela, com a aprovação das emendas, as polícias de todos as unidades federativas teriam a mesma estrutura e, de fato, mais força.

 


Créditos: Aaron Oliveira

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.