sexta-feira, 16 de Março de 2012 19:04h Atualizado em 17 de Março de 2012 às 13:04h. Paulo Reis

Polícia Civil prende suspeito de homicídio

A ação começou na tarde da última quinta-feira e continuou na madrugada e manhã desta sexta-feira. Ao todo foram cumpridos vinte mandados de busca e apreensão no bairro Alto São João de Deus, popularmente conhecida de “Lajinha”

A Polícia Civil realizou na tarde da última quinta-feira (15), madrugada e manhã desta sexta-feira (16) uma operação que contou com reforços de oficiais de cidades vizinhas como: Arcos, Itaúna, Bom Despacho e Formiga.
A operação foi realizada em diversos pontos do bairro Alto São João de Deus, na comunidade conhecida popularmente como “Lajinha”. Nas ruas e becos do local a Polícia Civil cumpriu cerca de 27 mandados de busca e apreensão.
Cerca de noventa policiais civis reforçaram a equipe de Divinópolis que apreenderam um revólver calibre 38 com numeração raspada e nove munições intactas.
Civis estiveram armados durante toda a patrulha no bairro. Três suspeitos com respectivamente 20, 22 e 28 anos foram presos
Dentre eles está C.V.J. suposto autor do homicídio da vítima S.R.R., de 28 anos morta com golpes de faca no bairro Candidés no último dia 26 de fevereiro, cujo crime, durante o interrogatório, o infrator negou ter praticado. O envolvido foi localizado por agentes civis que já possuíam um mandado de prisão contra o mesmo.
Após as buscas os agentes se dirigiram para a Delegacia Civil e reuniram todo o material para apresentação a imprensa.
O Delegado Marcelo Nunes Junior disse que a Operação teve por objetivo de inibir a ação de criminosos que tem cometido crimes de homicídios e ainda envolvidos com o tráfico de drogas.
A ação foi aplicada de forma a garantir a tranquilidade da comunidade, que nos três primeiros meses do ano já presenciaram 14 homicídios e diversas apreensões de armas de fogo e a ação do tráfico de drogas no município.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.