quarta-feira, 17 de Fevereiro de 2016 11:31h Polícia Civil

Polícia Civil prende suspeito de ser mandante do assassinato do prefeito de Chiador

A Polícia Civil, após diligências contínuas, prendeu, na tarde nessa terça-feira (16), em Chiador, Tiago Souza Cassaro, de 30 anos, suspeito de ser o principal mandante da morte do prefeito do município, Moisés da Silva Gumieri (PCdoB)

Segundo declarações do suspeito, ele seria sargento reformado do Exército em virtude de um acidente de trânsito.
Investigações apontam que a motivação do crime teria sido desavenças negociais. Conforme informações do chefe do 4º Departamento de Polícia Civil de Juiz de Fora, delegado Saed Divan, o crime ocorreu por conta de uma dívida de R$ 17 mil relacionada à venda de notebooks para a prefeitura, por meio de uma licitação que ocorreu há aproximadamente dois anos. “O pagamento não teria sido feito e ele contratou o suspeito de tráfico conhecido como “Vampirão” em Três Rios, por R$12 mil, para cometer o crime. Este homem se encontra foragido, com mandado de prisão decretado”, informou, complementando que “Vampirão”  contratou outros dois jovens, de 18 e 19 anos, por R$ 4 mil, para cometer o crime. “A dupla já foi presa no dia 10 de fevereiro e encontra-se no Centro de Remanejamento do Sistema Prisional (Ceresp) de Juiz de Fora. As diligências continuam a fim de localizar o outro homem”, explicou.

O delegado responsável pelas investigações, Felipe Fonseca Peres, de Mar de Espanha, ressaltou que outro mandado de prisão foi cumprido em Três Rios, de um jovem de 24 anos, que emprestou a motocicleta dele para os suspeitos. “No dia 10 de fevereiro, ele foi preso, ouvido e liberado porque alegou que não sabia que a motocicleta dele teria sido usada no crime. Mas há elementos agora na investigação que apontam que ele sabia que o veículo seria utilizado para cometer o assassinato”, explicou.   Segundo ele, as investigações prosseguem para apurar também se há participações de outras pessoas no caso.

© 2009-2016. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.